Encontre e assista a seus vídeos favoritos no YouTube com este aplicativo.

O SMTube é um aplicativo GUI de busca de conteúdo no YouTube.
Faz parte da biosfera de softwares que envolvem o SMPlayer, mas é totalmente independente dele para ser executado.

Em outras palavras, você pode encontrar e escolher seus vídeos através do SMTube e reproduzi-los com um dos reprodutores que já tem instalado aí (VLC, Totem, GNOME-MPlayer, mplayer etc.)

Procure por ‘smtube’ na loja de aplicativos da lojinha do sua distribuição GNU/Linux Favorita. As imagens que você vê no artigo são da distro Debian 10 Buster — mas você vai encontrar o programa em qualquer outra distro.
Debian Ubuntu Instalar programas

No Debian, é possível encontrar o app nas sugestões de instalação do próprio dash, como se vê na imagem abaixo.
dash debian

Você também pode fazer sua pesquisa direto na loja de aplicativos da sua distro.

debian loja oficial
1- faça a busca dentro da loja; 2- clique em instalar.

Usuários Windows poderão encontrar uma versão para seu sistema operacional no site oficial do aplicativo.

Como usar o SMTube

O aplicativo funciona parecido a um navegador, com opções de reprodução no painel de configurações. Acesse-o pelo menu: View/Settings.
smtube rodando no Linux

E, sim! Ele vai além do YouTube!

Acessei outros sites de vídeos (inclusive “sites adultos”) e tudo funcionou maravilhosamente.
Na minha experiência, o SMTube foi mais leve e ágil para mostrar os vídeos do que os meus navegadores (Firefox ou Google Chrome).

Monte um pequeno script BASH para listar, selecionar e tocar músicas no Linux.

O comando SELECT, combinado com o aplicativo mpg123, pode facilmente criar um mp3 player que te permita escolher as músicas que deseja tocar em um diretório.
O objetivo deste curto tutorial é dar um exemplo prático, simples e funcional do uso destas duas ferramentas, além de ajudar a aprender um pouco mais de Linux ou Unix, enquanto você se diverte.

comando selecto e mpg123 para escolher músicas mp3
Clique, para ampliar.

O que você precisa ter instalado no seu sistema

Tudo o que você precisa instalar é um pequeno aplicativo de leitura de arquivos mp3, chamado >mpg123.
Se você ainda não o tiver ou não souber como instalá-lo, leia aqui sobre como fazer isto.
Se você preferir, pode também baixar o código fonte e compilar o mpg123 (é muito fácil).
Como o comando select já faz parte do Bash, não há mais nada a ser adicionado ou instalado.

Como montar um script para selecionar as músicas

Todo o processo pode ser resumido em uma linha de comando, conforme nos ensina o @climagic:


Para que ele funcione, é necessário estar dentro do diretório em que se encontram os seus arquivos mp3:

select mus in *.mp3; do mpg123 "$mus"; done # Player de multipla escolha

Ao dar Enter, as músicas existentes no diretório atual serão exibidas e o comando select esperará que você digite o número da música desejada (na primeira coluna à esquerda):

 1) 01 - Queen - Another One Bites the Dust.mp3
 2) 02 - Blondie - Call Me.mp3
 3) 03 - J. Geils Band - Centerfold.mp3

...

16) 16 - The B-52's - Private Idaho.mp3
17) 17 - The Blasters - Marie Marie.mp3
18) 18 - The Boomtown Rats - I Don't Like Mondays.mp3
19) 19 - Squeeze - Tempted.mp3
20) 20 - Bob Marley and the Wailers - Redemption Song.mp3
#? 

Simples, assim.
Para sair, sem selecionar nada, basta pressionar Ctrl + C.

Monte um script para executar arquivos mp3

Se você incluir o código em um script, pode desfrutar de um pouco mais de comodidade.
Abra o seu editor favorito e inclua o código lá dentro:

#! /bin/bash
# Player mp3 de múltipla escolha
select mus in *.mp3;
do mpg123 "$mus";
done

Grave-o com o nome de toca.sh (ou outro nome de sua preferência) e mude a permissão do arquivo para executável.

chmod +x toca.sh

Agora, é possível executá-lo:

./toca.sh

Se quiser ter um pouco mais de comodidade, crie um diretório apenas para seus scripts, e coloque-o lá dentro para ser usado de qualquer lugar do seu sistema.
Veja como:

mkdir bin
mv toca.sh bin/
export PATH="~/bin:$PATH"

Com o procedimento, acima, é possível executar o toca.sh de qualquer pasta no seu sistema.
Experimente.
Tem alguma dica, para melhorar o script? Compartilhe conosco nos comentários. 😉

Instale o Spotify no Ubuntu

Quem deseja rodar o Spotify no Linux tem basicamente 2 opções: rodar o aplicativo no emulador Wine ou instalar uma versão “beta”, sem suporte oficial — mas, ainda assim, desenvolvida pelo próprio pessoal do Spotify.

A segunda opção é voltada para quem usa uma distribuição Linux baseada no Debian (Ubuntu, Mint etc). A primeira opção é universal e funcionou bem pra mim.

Spotify, Linux, Ubuntu, Debian, Multimidia
Clique para ampliar.

Como rodar o Spotify no Linux com Wine

Comece por ir à página de downloads do Spotify e baixe a versão para Windows do aplicativo.
Abra um terminal.
Se você não tem o Wine instalado em seu sistema, providencie isto. No Ubuntu, você pode instalar o Wine com o comando apt-get:

sudo apt-get install wine

O pacote do Wine é grande e, dependendo da velocidade da sua conexão, o download pode demorar um pouco.
Se você já tiver o Wine instalado, pode rodar direto o pacote baixado do site:

wine SpotifySetup.exe

Aguarde alguns instantes e, quando for pedido, dê o seu login para entrar no aplicativo.

Como instalar o Spotify no Debian ou no Ubuntu

Siga o passo a passo:

  1. Adicione a chave pública do repositório do Spotify:
    sudo apt-key adv --keyserver hkp://keyserver.ubuntu.com:80 --recv-keys BBEBDCB318AD50EC6865090613B00F1FD2C19886
  2. Adicione a seguinte linha ao arquivo /etc/apt/sources.list:
    echo deb http://repository.spotify.com stable non-free | sudo tee /etc/apt/sources.list.d/spotify.list
  3. Re-sincronize os arquivos de índices de pacote com o seguinte comando:
    sudo apt-get update
  4. E, finalmente, instale o Spotify:
    sudo apt-get install spotify-client

Feito isto, você já poderá rodar o spotify do seu terminal ou do dash, no Ubuntu.

Spotify, Linux, Ubuntu, Debian, Multimidia, screenshot, captura de tela
Clique para ampliar.

Referência: https://www.spotify.com/br/download/previews/

Como instalar codecs no Ubuntu

Por questões legais, é comum os codecs, necessários para reproduzir vídeos e áudios de determinados formatos, não virem instalados em seu sistema operacional. Vamos ver como solucionar isto no Ubuntu.

Mas podia estar instalado…

É claro que sim. Na 2a. tela de instalação, a última opção é a que permite que o sistema faça download de todos estes “extras”. Veja a figura, abaixo:
desktop-install-2
Óbvio que você não precisa passar por todo o processo de instalação de novo.
Há outras formas de resolver isto: modo gráfico ou via terminal. Vou ensinar as duas – mas eu recomendo instalar via terminal, por que é muito mais rápido e simples.

Modo gráfico

Ubuntu Download Center
Para quem é iniciante, pode soar estranho abrir um terminal para resolver problemas ou instalar softwares – mesmo que a gente diga que, muitas vezes, é a maneira mais simples e rápida de fazer as coisas.
Clique aqui. Aguarde que a Central de Programas do Ubuntu seja acionada e proceda clicando no botão Instalar e, em seguida, dê a sua senha.
Assim que a instalação dos extras terminar, você já poderá usar os seus programas de multimídia.

No terminal

Aqui, tudo é mais rápido.
Abra um terminal, pressionando a sequência de teclas Ctrl + Alt + T e cole (ou digite) o comando abaixo:

sudo apt-get install ubuntu-restricted-extras

Aguarde a conclusão da instalação e… divirta-se!

Faça streaming de músicas do seu PC, usando o Zeya!

O Zeya é um servidor que distribui as músicas do seu PC para qualquer dispositivo que rode um navegador compatível com HTML 5. Não precisa ter JavaScript nem Flash.
Esta é a maneira mais rápida de instalar um media center no seu PC que, além de tudo, é muito leve.
Se você usa Ubuntu, ou outra distro Linux e tem um celular ou smartphone que acessa a rede local, (quase) tudo é possível, aqui.
zeya media center e opera

Como instalar o Zeya

No Ubuntu, abra um terminal e forneça o comando

sudo apt-get install zeya

No Fedora ou SuSE:

yum install zeya

Aguarde o processo de instalação, que pode demorar um pouco, a depender da sua conexão.

Como iniciar o Zeya

Ao iniciar o Zeya, você vai informar o diretório (ou o nome da pasta) em que se encontram os seus arquivos de música. No meu caso, eles ficam dentro de /home/mp3/. Adapte o comando que segue à sua realidade:

zeya --path /home/mp3/

Se você não estiver usando o Ubuntu, use o comando acima da seguinte forma:

zeya.py --path /home/mp3/

O Zeya pode levar algum tempo para ler o seu diretório de músicas, na primeira vez – especialmente se você tiver muitos arquivos lá dentro.

Ouça o streaming de músicas no seu celular

Ótimo! O Zeya já está instalado e funcionando. Só falta ouvir as músicas.
Abra um navegador, no seu celular ou em outro computador que esteja conectado à rede e, na barra de endereço, forneça o endereço IP do computador em que o Zeya está rodando, seguido da porta 8080.
Caso você não saiba o IP do computador, clique aqui para aprender como determinar o endereço IP do seu computador no Ubuntu.
No meu caso, fica assim:
Zeya music browser

Compatibilidade

Do lado do servidor Zeya Media Center, foi descrito o processo de instalação em uma máquina, rodando Ubuntu 10.04 LTS – também foi testado no Ubuntu 13.10 e funcionou bem. Portanto, o Zeya deve funcionar em qualquer outra versão do Ubuntu ou de qualquer outro sistema operacional baseado no Linux.
O Zeya não usa Flash ou JavaScript. O navegador cliente – aquele que vai acessar os arquivos do servidor – deve ser compatível com o HTML 5.
No meu caso, funcionou bem com o navegador Opera.
Entre os problemas conhecidos está a latência (demora) entre o momento em que você clica em uma música e quando ela começa a tocar. Tenha um pouco de paciência, neste ponto.
Screenshot do smartphone:
Zeya media center and opera

Pondo o Zeya na inicialização do sistema

Para rodar o Zeya automaticamente na inicialização, faça o seguinte:

  • copie o arquivo /etc/zeya.conf para /etc/init/zeya.conf
    cp /etc/zeya.conf /etc/init/zeya.conf

    Ajuste as últimas linhas do arquivo /etc/init/zeya.conf de acordo com os seus desejos. Veja um expemplo:

    exec python /usr/bin/zeya --path=/var/music --port=8080

    Se você não encontrar o arquivo zeya.conf, crie um no diretório /etc/init/ com o nome zeya.conf com o seguinte conteúdo:

    # Start zeya
    #
    description     "Start Zeya music server"
    start on startup
    task
    exec python /usr/share/zeya/zeya.py --path=/home/mp3
    SAIBA MAIS:

    Execução local

    Localmente, na mesma máquina em que o Zeya está instalado, não é preciso abrir um “navegador inteiro” apenas para reproduzir as músicas. Há um cliente, em modo texto, feito em Python, que vem no pacote.
    Ele pode ser executado assim:

    python /usr/share/zeya/zeyaclient.py http://localhost:9000

    Assim que for iniciado, o zeyaclient.py vai te pedir uma query. Se você digitar woman, ele vai buscar, na sua coleção, músicas que tenham contenham esta palavra – em seus nomes, nas tags ID3, etc. Experimente.
    Zeya media center - cliente zeyaclient.py
    Isto deve ser o suficiente.
    Eu espero que você e todos os seus amigos tenham muitas horas de diversão com suas músicas preferidas!