Use o entangle para controlar sua câmera a partir do computador

O Entangle é um aplicativo de tethering para Linux.
Sua função é dar acesso aos controles da câmera a partir do seu PC desktop ou laptop.

Usualmente, em estúdio, pode ser muito útil ter um laptop conectado à sua câmera DSLR.
Este método permite ver resultados imediatos na tela grande do computador e decidir se ficam armazenados no laptop ou não.
Com o tethering, o fotógrafo pode encurtar o caminho das fotos da câmera para o PC — onde será feito o pós-processamento.

Se o que você quer é apenas transferir imagens da câmera ou do cartão para o desktop, sugiro usar outros softwares, como o Shotwell — porque esta não é a função do Entangle.

O que o Entangle faz:

  1. Disparar o obturador da câmera a partir do computador.
  2. fornecer uma prévia da composição, antes do disparo, em tela grande.
  3. Permitir a visualização e o download automáticos das fotos, à medida em que forem tiradas.
  4. Prover acesso a todos os controles da sua câmera a partir do seu computador.

O último item da lista, acima, depende do modelo da sua câmera.
Eu testei, como você pode observar nas imagens deste post, com uma câmera Fujifilm Finepix SL 1000.
Este equipamento está na categoria bridge camera ou “câmera intermediária”, portanto, entre a categoria das câmeras DSLR e as point and shoot (ou câmeras compactas).
Enfim, na minha câmera não é possível usar o recurso de tethering.

Se o seu equipamento for uma DSLR, mesmo que seja um modelo de entrada, o seu resultado pode ser bem melhor do que o meu.
A melhor maneira de saber se vai funcionar com a sua câmera é testando.

Fique à vontade para nos dar um retorno, nos comentários, citando o modelo da sua câmera.

fuji finepix connection
O modelo Fujifilm Finepix SL1000 não permite capturar imagens via tethering.

Se algo (ou quase tudo, no meu caso) não der certo, não culpe a comunidade de desenvolvedores de software livre.
Infelizmente, alguns fabricantes não liberam especificações suficientes de seus produtos, para criar softwares mais eficientes.
Envie mensagens, pelas redes sociais e email, para o fabricante do seu equipamento pedindo para que colabore mais com a comunidade de desenvolvedores Linux — especificamente, com o desenvolvimento do Entangle.
O resultado pode ser positivo, se muitas pessoas fizerem isso.

Como instalar o Entangle para fazer tethering no seu sistema

Programas Debian Ubuntu

O Entangle pode ser encontrado na loja oficial da sua distro GNU/Linux e está disponível nos repositórios das principais distribuições.
Entangle camera tethering for linux

Quem prefere usar a CLI, para instalar o programa, pode rodar um dos seguintes comandos:
No Debian, Ubuntu e outras distribuições derivadas, use o apt:


sudo apt install entangle

No Fedora e no OpenSUSE, use o dnf ou o yum:


sudo dnf install entangle

No FreeBSD, use o pkg:


pkg install entangle

Se quiser saber mais sobre instalação de softwares no FreeBSD, leia este post.

Como fazer tethering com a sua câmera no Linux

Ao iniciar, a aplicação irá tentar detectar automaticamente a sua câmera, caso esteja conectada via USB ou rede.
Se houver múltiplas câmeras conectadas fisicamente ao seu computador, o programa fornecerá uma lista delas, para a sua escolha.

Se a sua câmera não aparecer, isto pode ocorrer em função do GNOME tê-la montado como dispositivo de armazenamento automaticamente.
Neste caso, é necessário desmontar o dispositivo antes de poder fazer tethering.
camera montada

Se a câmera tiver suporte a “live view“, vai ser possível acompanhar a composição, à frente da câmera, de dentro do aplicativo.
No painel Preferências, é possível selecionar várias abas de opções.
Na aba de opções Interface, você pode fazer alguns ajustes no modo de operação do programa. Inclusive ligar ou desligar a exibição do histograma linear.

O painel Image Viewer permite alterar o aspecto e a escala do “sensor virtual”, com a aplicação de uma máscara.
Além disto, pode aplicar as linhas guia da regra de terceiros ou outras.

O painel de configurações de captura, tem opções de configuração da nomenclatura dos arquivos de imagem, que serão gravados no computador.
Permite ainda ligar o descarte automático das imagens dentro da câmera.

O painel Color Management apresenta opções da gestão de cores para a sua sessão de fotografia.

Você pode adicionar plugins ou escrever os seus próprios, com o uso da linguagem Python.

Referências

Site oficial do Entangle: https://entangle-photo.org/.

Tethering com a câmera Canon T6 (1300D) é frustrante no Linux

Tethering é uma técnica para tirar fotos, que consiste em conectar sua câmera a um notebook ou PC e, a partir dele, ajustar e controlar a câmera.
Há alguns softwares bem conhecidos, no Linux, que permitem fazer sessões de fotografia com a câmera “atada” ao PC.

Neste post, vou abordar a técnica com o uso do Entangle, do lado do software.

Eu sei que o Darktable também permite este tipo de conexão, mas não o usei desta vez.
A distro usada é a Debian 10 testing.

Também conduzi alguns testes usando o Pop OS, baseado no Ubuntu 17.10 (com os mesmos resultados).

Do lado do hardware, temos uma câmera Canon EOS Rebel T6 ou EOS 1300D ou, ainda, EOS Kiss X80, como é conhecida no mercado asiático.

Usualmente, o tethering é feito via USB. Mas pode ser também via Wi-Fi Direct — mas, neste caso, vai haver um impacto terrível na velocidade de comunicação entre o laptop e a câmera, o que pode prejudicar seriamente o seu workflow (ou fluxo de trabalho).
O cabo USB é a ferramenta profissional e séria de conexão PC – Câmera, por enquanto.

As informações dadas neste texto são genéricas o suficiente para serem aplicadas em qualquer distro Linux, bem como qualquer câmera com suporte a tethering.

Se você obteve resultados diferentes, por favor, use a sessão de comentários para nos contar como foi, citando a sua distro, o software utilizado e o modelo de sua câmera. 😉

Clique nos links, presentes no texto, para obter informações mais aprofundadas sobre algum tema ou item abordado.

A Canon EOS Rebel T6 é capaz de fazer tethering com Linux?

A Canon concebeu a câmera para realizar este tipo de fotografia, com o uso do EOS Utility Softwares, que pode ser baixado do site oficial — mas não tem versão para Linux.
Quem sabe se as pessoas cobrarem melhor suporte da empresa…

O site da Tether Tools é o maior site de vendas de cabos USB, entre outros produtos específicos para este tipo de aplicação.
Eles têm uma página que relaciona as câmeras compatíveis com o software Entangle.
Infelizmente, a Canon T6 não está listada.

O próprio Entangle, tem uma relação de câmeras suportadas – dentro do menu Ajuda. Vale conferir.

Se você ainda não comprou a sua câmera e está lendo este review preventivamente, sugiro dar uma olhada na seção de câmeras suportadas (link acima), para fazer uma escolha melhor.

Como conectar a câmera ao laptop

Não vi qualquer referência sobre “a ordem” em que os dispositivos devem ser conectados.
Mas gosto de conectar a câmera desligada ao laptop primeiro e, em seguida, ligá-la.
Só depois é que inicio o Entangle.

Você pode usar o comando lsusb, para verificar o que está conectado (ou não) ao seu equipamento.
Este foi o meu resultado:


lsusb --tree

/:  Bus 04.Port 1: Dev 1, Class=root_hub, Driver=xhci_hcd/4p, 5000M
    |__ Port 2: Dev 2, If 0, Class=Hub, Driver=hub/4p, 5000M
/:  Bus 03.Port 1: Dev 1, Class=root_hub, Driver=xhci_hcd/4p, 480M
    |__ Port 2: Dev 2, If 0, Class=Hub, Driver=hub/4p, 480M
    |__ Port 4: Dev 3, If 0, Class=Human Interface Device, Driver=usbhid, 12M
    |__ Port 4: Dev 3, If 1, Class=Human Interface Device, Driver=usbhid, 12M
    |__ Port 4: Dev 3, If 2, Class=Human Interface Device, Driver=usbhid, 12M
/:  Bus 02.Port 1: Dev 1, Class=root_hub, Driver=ehci-pci/3p, 480M
    |__ Port 1: Dev 2, If 0, Class=Hub, Driver=hub/6p, 480M
        |__ Port 5: Dev 3, If 0, Class=Wireless, Driver=btusb, 12M
        |__ Port 5: Dev 3, If 1, Class=Wireless, Driver=btusb, 12M
/:  Bus 01.Port 1: Dev 1, Class=root_hub, Driver=ehci-pci/3p, 480M
    |__ Port 1: Dev 2, If 0, Class=Hub, Driver=hub/6p, 480M
        |__ Port 4: Dev 3, If 0, Class=Video, Driver=uvcvideo, 480M
        |__ Port 4: Dev 3, If 1, Class=Video, Driver=uvcvideo, 480M

A câmera não aparece na listagem e sequer foi detectada.
Com este resultado, a câmera não terá utilidade sequer para obter as fotos, que dirá fazer tethering que é mais complexo…

A conexão via wi-fi direct é possível

tethered camera

Sim. A câmera permite tethering com o Linux via wi-fi (inclusive wi-fi direct)… — mas sugiro não se animar muito com esta possibilidade.

Com as atuais taxas de transferência de dados via Wi-Fi, este meio de conexão é totalmente inadequado para um estúdio profissional.
Neste caso, a culpa não é da Canon.

A conexão pode ser o suficiente para brincar durante alguns minutos ou algumas horas — depende da sua paciência.
Mas, nem pense nisso para trabalho sério. A demora na transferência das imagens RAW (25 MB, cada uma, em média) pode tornar a experiência frustrante.

Conexão da câmera ao celular ou tablet

Com a instalação do software oficial da Canon, em seu celular, é possível fazer o download das suas imagens (em JPG) para o dispositivo móvel.
Isto não é tethering!

É útil (e eu uso muito) para postar imagens nas redes sociais ou enviar para os amigos.
O método impõe uma perda considerável à qualidade das imagens, pela compressão do JPEG e não permite o envio de arquivos em RAW.