TestDisk featured official logo

Conheça este utilitário de linha de comando para controlar discos no Linux

Unidades de armazenamento externas ou internas podem ser acessadas e controladas com o utilitário de linha de comando (CLI) udisksctl.
O programa permite realizar diversas operações avançadas nas unidades conectadas.

Obter informações, verificar o status, monitorar unidades, montar/desmontar dispositivos, travar/destravar unidades criptografadas, desligar completamente ou configurar o SMART etc. — são algumas das tarefas que podem ser executadas com este pequeno utilitário.

Abra um terminal e me acompanhe nas experiências que seguem.

Como obter informações sobre um dispositivo de armazenamento conectado ao meu computador

O utilitário tem autocompletar para facilitar a digitação, portanto use a tecla TAB para tornar mais eficiente o uso dele.

A opção status permite ver as unidades atualmente conectadas ao seu sistema:


udisksctl status

MODEL                     REVISION  SERIAL               DEVICE
--------------------------------------------------------------------------
Hitachi HTS545050A7E380   GG2OA6C0  TE85123RJG3K4W       sda     
SanDisk SSD i100 24GB     11.56.04  123200143249         sdb     
WDC WD5000BPVT-22HXZT1    01.01A01  WD-WXD1A41D1154      sdc     
TOSHIBA MK5059GSXP        GT001L    51NAP03LT            sdd     
SanDisk Cruzer Blade      1.26      4C530699960225111162 sde

Como você pode ver, acima, as informações obtidas e mostradas pelo utilitário são bem detalhadas.

Use a opção info para obter informações específicas sobre um objeto (lembre-se de telcar TAB para completar a digitação):


udisksctl info --drive SanDisk_Cruzer_Blade_4C530699960225111162

A opção dump irá mostrar uma quantidade de dados muito maior, sobre todas as unidades possíveis:


udisksctl dump

Os dados detalhados das unidades podem ocupar diversas páginas de terminal. Use a tecla de espaçamento, para passar as páginas e a tecla Q para sair do modo de visualização do comando.

Sugiro usar o comando grep para obter informações específicas:

udisksctl dump | grep Hitachi
    Drive:                      '/org/freedesktop/UDisks2/drives/Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W'
    Id:                         by-id-ata-Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W
    Symlinks:                   /dev/disk/by-id/ata-Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W
    Drive:                      '/org/freedesktop/UDisks2/drives/Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W'
    Id:                         by-id-ata-Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W-part1
    Symlinks:                   /dev/disk/by-id/ata-Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W-part1
    Drive:                      '/org/freedesktop/UDisks2/drives/Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W'
    Id:                         by-id-ata-Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W-part2
    Symlinks:                   /dev/disk/by-id/ata-Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W-part2
/org/freedesktop/UDisks2/drives/Hitachi_HTS545050A7E380_TE85123RJG3K4W:
    Id:                         Hitachi-HTS545050A7E380-TE85123RJG3K4W
    Model:                      Hitachi HTS545050A7E380

Para monitorar uma unidade use a opção monitor, seguida do nome do dispositivo:


udisksctl monitor SanDisk_Cruzer_Blade_4C530699960225111162 
Monitoring the udisks daemon. Press Ctrl+C to exit.
14:55:24.735: The udisks-daemon is running (name-owner :1.1046).

A unidade, acima, está desmontada e “dormente”. Se houver alguma atividade ligada a ela, o terminal irá mostrar.
Quando quiser terminar o programa tecle Ctrl+C.

Como trabalhar com unidades criptografadas usando o udisksctl

As opções lock e unlock se referem às unidades alvo de criptografia.
No exemplo, abaixo, uso um drive USB criptografado com LUKS.

Para destravar, use unlock e forneça a senha:


udisksctl unlock -b /dev/sde

Passphrase: 
Unlocked /dev/sde as /dev/dm-0.

Para travar novamente, use lock:


udisksctl lock -b /dev/sde

Locked /dev/sde.

O comando pode ser útil dentro de scripts de backup que necessitem de alguma criptografia, para manter os seus dados ainda mais seguros.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *