editor de video

Faça edição de vídeo e áudio com o Shotcut.

O Shotcut é um editor de vídeos livre, multiplataforma e de código aberto.
Você não precisa pagar nada por ele e pode rodar no Windows, Mac e Linux.

Seus principais atrativos incluem suporte a múltiplos formatos de arquivos de vídeo e a resoluções em 4K.
A lista segue:

  1. Graças ao FFMPEG, tem suporte a formatos de atuais de áudio e vídeo.
  2. Permite trabalhar com imagens no formato BMP, GIF, JPEG, PNG, SVG, TGA, TIFF etc.
  3. Não necessita importar vídeos. Ele oferece edição nativa da timeline.
  4. Sistema de buscas precisa para vários formatos de arquivos de vídeo.
  5. Captura da sua webcam.
  6. Captura do áudio do seu PC/laptop.
  7. Capacidade de reprodução do fluxo da rede (network stream playback — HTTP, HLS, RTMP, MMS, UDP).
  8. Plug ins de geração de vídeo Frei0r — barras coloridas, plasma etc.
  9. Exportação de EDL (Edit Decision List CMX3600).
  10. Exportação de quadros únicos ou sequências de vídeo.

Vamos falar um pouco mais das capacidade de manipulação de áudio e vídeo do Shotcut… mas, se você já sabe tudo, pode pular para a sessão de instalação, logo abaixo.

Recursos de edição de áudio

O software faz a edição básica do áudio dos seus vídeos, com opções de ajuste do volume, loudness e medição de pico.
Entre os recursos principais, o site (veja links ao final) lista os seguintes:

  1. Filtros de áudio: controle de agudos e graves, compressor, canal duplicado, tempo, expansor, downmix, ganho, high pass, limite, low pass, normalizar, reverberação etc. Se você conhece o Audacity, vai se sentir em casa.
  2. Permite mixagem de áudio sobre todas trilhas.
  3. Apresenta controles fade (in & out) fáceis de usar, para áudio e vídeo, direto na timeline.
  4. Gerador de tons.
  5. JACK transport sync
  6. Transições de dissolução cruzada (cross-fade) de áudio e vídeo em sobreposição de tomadas na mesma trilha da timeline.

Efeitos de vídeo

O aplicativo tem opções de composição sobre as trilhas de vídeo aceita o HTML5 como fonte de vídeo e de filtros.
Segue a relação de principais recursos de efeitos visuais do Shotcut:

  1. Controles de correção de cores e graduação para sombras, tons médios e claros.
  2. Desentrelaçamento e rotação automática.
  3. Ferramenta “conta-gotas” de seleção de cor natural para fazer o balanço de branco adequado.
  4. Transições de vídeo: barra, portais, caixa, radial, íris, matrix etc.
  5. Acompanhamento de modos de composição ou mistura.
  6. Filtros prontos de vídeo e efeitos de velocidade para clips de áudio/vídeo.

Recursos de edição

O programa inclui ferramentas básicas de edição e várias avançadas.
Entre as principais, citam-se:

  1. Operações de corte, exclusão e colagem.
  2. Controles de ocultar, travar e emudecer a trilha.
  3. Suporte a múltiplas trilhas, com thumbnails.
  4. Desfazer/refazer ações ilimitado.

Mais recursos interessantes

Além de ser multiplataforma, em relação a sistemas operacionais, pode rodar como aplicativo portátil, a partir de um drive externo.
A interface ao usuário está traduzida para 26 idiomas, inclusive o Português.
Tem suporte a vários dispositivos e métodos de captura de vídeo e áudio, como SDI, entradas HDMI, webcam (Video 4 Linux, PulseAudio etc.

Como baixar e instalar o Shotcut

Usuários Windows e Mac, podem fazer o download dos pacotes de instalação a partir da página oficial de downloads do programa: https://www.shotcut.org/download/.

Usuários Linux, podem instalar via SNAP:


sudo snap install shotcut --classic

Você vai encontrar o pacote SNAP do Shotcut também na loja online: https://snapcraft.io/shotcut.
Leia mais sobre suporte a snap, nesta página.

Como usar o Shotcut sem instalar

Você pode fazer download do pacote Shotcut portable, para sistemas operacionais 64-bit, na página do projeto (GitHun): https://github.com/mltframework/shotcut/releases/.
Há versões para Linux, Mac e Windows.
Se você usa Linux, baixe a versão apropriada e descompacte-a no diretório ou drive (pode ser um pendrive) a partir do qual deseja rodar o programa. Siga o exemplo, abaixo:


tar xvvjf shotcut-linux-x86_64-180306.tar.bz2

Em seguida, basta rodar o executável do Nautilus.
nautilus shortcut

Eventualmente, o sistema irá pedir uma confirmação sobre a execução do programa.
confirmar execução

Depois de confirmado, o Shortcut se abre pronto para começar a trabalhar.
shortcut

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.