Fedora 26 Workstation Edition login screen.

Como desativar/ativar o modo gráfico no Linux com o systemd

Você pode usar o systemd e seu comando systemctl para informar o sistema se quer usar sempre a interface gráfica ou apenas a de linha de comando.
O recurso permite a opção, sem desinstalar absolutamente nada e é facilmente reversível, como irei mostrar.
Com todos as críticas que se possa ter ao systemd — e algumas delas são muito justas — temos que reconhecer que trouxe algumas comodidades e a uniformização de alguns procedimentos.
O que vou descrever, neste artigo, foi testado no Fedora 26 Workstation — mas é aplicável em qualquer outra distro que faça uso do systemd.

Use o systemctl para determinar a interface padrão no seu sistema

Você pode usar o comando systemctl para gerenciar a interface padrão — fazendo a troca entre GUI (modo gráfico) e CLI (modo texto).
Para ver qual é o padrão, neste momento, use o comando assim:


systemctl get-default 

graphical.target

O resultado “graphical.target” indica que a GUI é a interface padrão (no meu sistema). Se fosse a CLI, o get-default iria resultar em “multi-user.target”


Use a caixa de busca do site para localizar mais posts sobre o systemd.
fedora systemd systemctl
Para mudar a interface padrão para o modo texto, na próxima inicialização do sistema, use o set-default:


systemctl set-default multi-user.target

Created symlink /etc/systemd/system/default.target → /lib/systemd/system/multi-user.target.

Este comando pede autenticação de administrador do sistema e só terá efeito após o reboot.
Você reiniciar o sistema com o próprio systemctl:


systemctl reboot

fedora systemd cli systemctl
Para desfazer o procedimento – e voltar a usar a interface gráfica como padrão – use o seguinte comando:


systemctl set-default graphical.target

Removed /etc/systemd/system/default.target.
Created symlink /etc/systemd/system/default.target → /lib/systemd/system/graphical.target.

É simples assim. 😉

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia.
Fã de séries, como “Rick and Morty” e “BoJack Horseman”.
Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *