Está começando a fotografar? O 500px pode ser a rede social para você.

Há vários lugares para postar suas fotos e ver imagens muito bonitas — suas, dos amigos, de conhecidos, de estranhos… ou de parentes! /o\
Facebook, Twitter, Instagram, Google Plus… estão entre os mais comuns e são os locais aonde você poderá obter maior número de visualizações.

As redes sociais mais populares, são os locais aonde é mais fácil você se tornar “mais popular”, claro.
Se, como eu, você gostaria de visualizar outras possibilidades — como melhorar o seu “olhar” para a fotografia e, consequentemente, melhorar a sua própria técnica etc. — as “redes populares” podem não ser a melhor opção.

Como relato pessoal, um tempo atrás, criei uma nova conta no Instagram, para acompanhar pessoas que tenham trabalho fotográfico relevante e que possam servir de inspiração e motivar mais ainda o meu crescimento como fotógrafo wannabee.
Em menos de um mês, amigos e parentes já estavam lá me seguindo e eu me via na obrigação de retribuir…
Nem preciso dizer que isto acabou atrapalhando um pouco o meu objetivo inicial.

Não adianta reclamar, muito…
O Instagram e o Facebook são redes sociais voltadas para “interagir com a família e com os amigos”.
Se não é isto o que você quer priorizar, então precisa considerar outras opções.

Colby Brown escreveu um artigo sobre redes sociais para fotógrafos (English) em que apontava vantagens e desvantagens de várias redes.
Neste texto, aqui, vou me concentrar apenas no 500px e nas suas principais características.

O que é 500px?

De acordo com a Wikipedia, o nome é pronunciado 500-p-x, ou seja, five-hundred-p-x ou, ainda, “quinhentos-p-x”.
O “px” é uma referência a pixels e não a pix (fotos).
É uma comunidade online de fotografia, fundada por Evgeny Tchebotarev, em 2003.
6 anos depois, Oleg Gutsol se juntou à iniciativa e o número máximo de pixels permitidos por foto aumentou para 900… mas o nome permaneceu inalterado.

De acordo com seus fundadores, o 500px é o lugar para “obter exposição, inspiração e se conectar a outros fotógrafos”.
O site procura facilitar conexões entre fotógrafos e seus possíveis clientes, facilitando agendar sessões, inclusive.

No início de 2018, o site contava com 13 milhões de inscritos. Já em 2012, o blog do site foi nomeado um dos melhores pela Time Magazine.

O que tem de bom no 500px?

A primeira vantagem é aquela que comumente se fala do Twitter: “a rede social aonde não se encontra os parentes”. 😉
Brincadeiras à parte, neste momento, o 500px conta com uma base de usuários minúscula, frente à outras redes, mas, enfim… ela não é para todo mundo! É voltada para um nicho.
Entre seus principais pontos positivos, citam-se:

  1. Tal como o Flickr, é uma Rede de Interesses ou Interest Network, cujo propósito é compartilhar fotografias bonitas.
  2. É um lugar fantástico para você encontrar inspiração.
  3. As imagens são realmente bonitas — provavelmente por que não sofrem todo o peso da compressão das fotos que você posta nas outras redes sociais.
  4. O 500px confia nas análises de seus membros (você, por exemplo) sobre as fotos. Isto se reflete nos destaques dados a cada imagem, pela rede social.
    Quanto mais bem avaliada pela comunidade, maior a chance de uma imagem poder ser vista por outras pessoas.
    Deu um frio na barriga, agora?
  5. Ao migrar para o plano Awesome ou Plus, você pode vender e lucrar com suas fotos.
  6. O plano Awesome permite, ainda, usar o seu perfil no site como Portfólio pessoal.

O item 4, acima, é controverso e – justamente por isto – vai para a lista dos pontos negativos também…

Quais são os pontos negativos do 500px?

Nada é perfeito, não é?
Tem algumas características da ferramenta, como rede social, que podem afastar algumas pessoas.
Veja quais são:

  1. O sistema de ranqueamento das imagens, permite negativar os posts.
    Portanto, fotos com muitos pontos negativos, podem “cair no limbo” do site.
    Muito bom por um lado, mas pode ser desencorajador para quem está iniciando.
  2. A base de usuários é pequena, perto de outras redes sociais de fotografia, como o Instagram e o Flickr.
    Ou seja, se você está tendo sucesso em outro lugar, pode se tornar um zé-ninguém dentro do 500px.
  3. A qualidade das imagens, nesta rede, é bem maior que no Flickr.
    E este é mais um “motivo para desmotivar” os beginners.
  4. A grande quantidade de fotos contendo nus artísticos pode ser ponto negativo para quem não curte esta categoria de fotografia.

Conclusão

É uma rede fenomenal e, de certa forma, o sistema de ranqueamento pode ser uma prova para as suas fotos e para a sua humildade.
Por que não tentar e se submeter a uma avaliação mais realista de terceiros?! Algo que a sua família e seus amigos, nas outras redes, possivelmente, jamais te darão.
Mesmo neste quesito, vale dizer que a administração do 500px sabe que o sistema não é perfeito e estão trabalhando para melhorá-lo.
Use um pseudônimo, se for o caso e vá dar a cara a tapa.

Referências

Leia mais sobre o tema Fotografia, neste site: https://elias.praciano.com/?s=fotografia.

500px: https://500px.com.

O Facebook para quem tem pouco espaço no smartphone Android.

O Facebook é um aplicativo considerado pesado, por algumas pessoas, na versão desenvolvida para a plataforma Android.
Por sorte, há várias formas para você se conectar às suas redes sociais preferidas, caso não queira instalar novos aplicativos em seu smartphone.
Entre as alternativas para continuar a usufruir da rede social em seu dispositivo móvel, vou citar o uso do Facebook Lite, usar a rede social direto do navegador (como você já faz, no seu notebook) e usar um aplicativo único que gerencie de uma vez só várias redes sociais e perfis.
Facebook_lowres-logo-ind

Facebook Lite

Algumas pessoas optam pelo aplicativo Facebook Lite, uma alternativa do desenvolvedor oficial voltada para usuários com pouco espaço no dispositivo.
Suas características básicas são:

  1. Baixa e instala rápido — uma vez que que ocupa menos de 10 MB de espaço. Claro que isto pode variar em função do modelo do seu aparelho.
  2. Funciona em dispositivos Android dos mais básicos.
  3. Usa menos dados e é projetado para usuários que dependem de redes 2G ou que sejam muito inconstantes e lentas.

Os desenvolvedores do Facebook, em um esforço para melhorar a eficiência do app, abordaram o problema com o uso da habilidade do Google Play de carregar múltiplas APKs para diferentes versões do sistema operacional Android e variadas resoluções de tela.
Com isto, é possível excluir “excesso de código” contendo recursos ou funcionalidades que não são compatíveis com certos aparelhos.
Desta forma, um aparelho Samsung Galaxy Pocket não usa o mesmo aplicativo que o Samsung Galaxy Note 5.
Esta seleção automática do Google Play vale tanto pro aplicativo completo, quanto pra versão Lite.
Contudo, há alternativas mais eficientes de uso do Facebook, sob o ponto de vista do aproveitamento do espaço do seu smartphone.

Use o Facebook como web app no Google Chrome

Use o Facebook da mesma forma que o usa no notebook ou PC — Acesse o site https://fb.com!
Para tornar a experiência melhor, adicione o site do Facebook à tela principal do seu smartphone:

  • Toque no ícone do menu, no canto superior direito da tela do Chrome.
  • A seguir, selecione Adicionar à tela inicial.
  • Para finalizar, escolha um nome para o seu ícone.

Agora, já é possível ir ao site do Facebook com um toque a partir da tela principal do smartphone.
Este procedimento vale pra qualquer site.
Como adicionar websites à tela inicial do smartphone Android

Use o Facebook como web app no Firefox

O mesmo procedimento pode ser feito com o Firefox (ou outro navegador), com pequenas variações.
Veja, na imagem abaixo, o que muda, para fazer a mesma coisa no Firefox:
Firefox Aurora - como adicionar sites à tela inicial do smartphone Android.
No Firefox (usei a versão 43a “Aurora”. neste post), não há a opção de digitar você mesmo o título do ícone.

Instale aplicativos de gestão centralizada de redes sociais

Aplicativos, como o hootsuite ou o TweetDark permitem concentrar, em um lugar só, várias redes sociais e perfis.
O HootSuite, por exemplo, pode concentrar as funções de cinco aplicativos de redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram. LinkedIn e, ainda, permite dar check in nos lugares via Foursquare.
Além disto, permite que você gerencie mais de um perfil, por redes sociais.
Obviamente, esta situação acrescenta um certo nível de complexidade e o aplicativo não vai conseguir “abarcar” todas as funcionalidades de todas as redes. Mas você pode contar, pelo menos, com todas as funções básicas no seu dispositivo móvel.

Runtastic, passo a passo

O Runtastic é um software de monitoramento de atividades físicas, que contempla mais de 50 tipos de esportes, na sua versão básica. Vou mostrar como começar a brincadeira com ele, hoje mesmo, se quiser.
Eu já escrevi anteriormente sobre o RunKeeper, um aplicativo da mesma categoria e tão bom quanto este.
Runtastic corrida GPS com músicaAmbos permitem monitoramento de suas atividades físicas tanto indoor quanto ao ar livre – onde você pode contar com o GPS do seu dispositivo para traçar com o satélite o seu percurso.
Se você tiver problemas com o GPS, sugiro a leitura deste artigo – onde relato alguns procedimentos que podem ajudar a ter um desempenho melhor do rádio do seu aparelho.
Veja, a seguir, como começar a usar o app e clique nas imagens para ver mais detalhes.

Conectar

Runtastic login google facebookUm dos objetivos das pessoas que usam o runtastic é postar nas redes sociais o seu desempenho nas atividades físicas – mas isto não é obrigatório. Ao final das atividades, você terá a opção de fazer isto ou não.
Atualmente, você tem 4 opções para entrar no Runtastic, como você pode ver na figura à direita:

  • Google Plus;
  • Facebook;
  • Pelo Runtastic – se você tiver uma conta no Runtastic (é fácil criar uma no site), você pode usar estes dados para entrar. Eu recomendo esta opção – principalmente se você não tiver interesse algum em postar suas atividades nas redes sociais (você pode mudar isto depois);
  • “Lembre-me mais tarde” – pode ser usado para quem tem pressa em começar a usar logo o aplicativo. É uma péssima ideia, por que as suas atividades não serão enviadas pros servidores do Runtastic e, portanto, não irão compor o seu histórico. Evite isto.

runtastic screenshot informações pessoaisDependendo da sua opção, uma tela poderá aparecer pedindo algumas informações a mais sobre você. Forneça-as para seguir em frente.
Informações sobre a sua altura e seu peso, permitirão compor a equação para calcular a quantidade de calorias dispendidas a cada atividade.
Ao alterar, periodicamente as informações sobre o seu peso, você constitui uma base de dados sobre o seu desempenho. Este histórico pode ser acessado no site do Runtastic.

Dando início ao treinamento

Uma vez dentro do app, a tela principal permite já começar a monitorar as suas atividades.
Runtastic screenshot tela inicial No canto superior à esquerda, há um botão que dá pro menu de configurações genéricas. À esquerda, o botão com uma nota musical, permite selecionar a trilha sonora da sua atividade.
Na parte central da tela do aplicativo estão 3 botões importantes:

  • botão de seleção de atividade – corrida, caminhada, ciclismo etc. São mais de 50 atividades possíveis;
  • O verde e grande, para iniciar a atividade física;
  • o terceiro botão permite selecionar o tipo de treinamento – Quem vai fazer atividade indoor, sem o uso do GPS (esteira, por exemplo) deve selecionar, aqui, a opção “entrada manual” e fornecer os dados referentes ao treino.

Abaixo dos botões, há um mapa que irá acompanhar o seu deslocamento.

Durante o treinamento

Após o início da atividade, os botões centrais mudam, para evitar pressionamento acidental. A qualquer momento, contudo, você pode pausar o monitoramento, para atender a uma ligação, amarrar o tênis o jogar conversa fora (no meio do treino?! 😮 ).

finalizando e compartilhando a atividade

Runtastic screenshot resumo da atividadeAo finalizar o seu treino, toque no botão parar.
O aplicativo irá iniciar um sumário “oral”. O idioma deste sumário depende de suas configurações.
Enquanto o sumário é dado,

  • informe como você se sentiu, selecionando um dos 5 emoticons disponíveis;
  • o tipo de caminho sobre o qual você caminhou, correu;
  • o clima;

Clique em Concluir, no canto superior direito, quando terminar de informar os dados nesta tela.
Aguarde o upload pros servidores do Runtastic.

Compartilhamento

Runtastic compartilhar facebook google twitterEu tenho certeza de que muita gente ama esta parte. Como eu disse, lá no começo, ela é opcional. Quem não deseja divulgar informações sobre o seu treino, não precisa fazê-lo.
Na primeira vez, você vai precisar se logar e autorizar o aplicativo dentro da rede social correspondente a postar em seu nome as suas atividades físicas.

Bom treino!

Como bloquear o Lulu, o Tubby e outros aplicativos no Facebook

Neste artigo, vou mostrar como impedir que outros aplicativos (Lulu, Tubby etc) tenham acesso aos seus dados no Facebook.
Embora estes aplicativos tenham suas próprias opções para bloqueio, em contrapartida, ao usá-las, você tem que concordar com os termos dos desenvolvedores, o que inclui abrir mão de processá-los (por calúnia, difamação etc), entre outras coisas. Por isto é que vou ensinar a fazer o bloqueio via Facebook. Me acompanhe…
Comece por abrir o menu de configurações, no canto superior direito da tela. Em seguida, selecione o item Configurações de privacidade.
Facebook menu de configurações
Na próxima tela, selecione à esquerda, o item AplicativosFacebook Menu de configurações
O “Face” deve abrir uma janela ampla, exibindo todos os aplicativos que você tem utilizado (e alguns que você nem usa mais), cada qual com suas permissões de acesso.
Role mais para baixo e selecione a sessão Aplicativos usados por outras pessoas.Facebook aplicativos usados por outras pessoas - privacidade
Na próxima tela, você deve selecionar ou “deselecionar” os tipos de informações a que outros aplicativos deverão ter acesso.
Tenha em mente que estas configurações são aplicadas “indiscriminadamente”, ou seja, todos os aplicativos de terceiros serão afetados por seus configurações ao tentar acessar os seus dados no Facebook.

Facebook informações disponiveis para aplicativos de outras pessoas
Clique para ampliar

Como instalar a rede social corporativa eXo Platform no Ubuntu

A eXo platform é uma plataforma de colaboração social, de código aberto. Escrito em Java e Groovey. Oferece recursos de Intranet semelhantes aos do Facebook e mais outros, tais como, wikis, fóruns, calendários de eventos, conteúdos web, acompanhamento das atividades de outros usuários e gestão de documentos — tudo dentro de um só pacote.
Instalar exo platform
Neste artigo, vamos fazer uma breve introdução à instalação da eXo Platform 4.0 Community Edition, em uma máquina rodando o sistema operacional Ubuntu uma máquina virtual Java OpenJDK 7. A eXo Platform se encontra disponível para download no site da empresa, na versão comercial e na edição comunitária. Em seguida, vamos ver como baixar, executar o servidor da aplicação e como fazer as configurações administrativas iniciais da plataforma, a partir de um navegador.

Onde baixar a exo platform

Para começar a experimentar, abra um terminal (Ctrl + Alt + T, no Ubuntu) e faça o download dentro de um diretório adequado para você:

wget http://sourceforge.net/projects/exo/files/Platform4.0/eXo-Platform-community-4.0.0.zip

Como instalar a eXo Platform 4 Comunity Edition no Ubuntu ou Debian

Ter o Java instalado no seu sistema é um pré-requisito. Se você atende a esta especificação, vamos em frente com a instalação do sistema. O próximo passo, é desempacotar o produto:

unzip eXo-Platform-community-4.0.0.zip

Vamos entrar no diretório criado pelo descompactador:

cd platform-community-4.0.0/

Agora, inicie o servidor:

./start_eXo.sh

Este processo pode ser um pouco demorado. Quando chegar ao fim, você verá uma mensagem semelhante à seguinte:

 | INFO  | Server startup in 1011458 ms [org.apache.catalina.startup.Catalina<main>]

Agora, abra o seu navegador e forneça o endereço http://localhost:8080/portal/. No meu caso, este também demorou um pouco.
Na tela inicial, informe os seus dados para cadastro de uma conta de usuário e, logo abaixo, informe a senha do administrador do sistema (root) e confirme.
instalar, exo platform, linux

Configurações iniciais

Na outra tela, você poderá criar novos usuários e grupos. Isto é opcional. Você pode continuar a explorar o sistema e deixar isto para depois, no painel de controle (dashboard).
criar usuários e grupos na exo platform
Ao clicar no botão start, somos levados ao endereço http://localhost:8080/portal/intranet que, neste caso, corresponde ao Administration dashboard, o painel de controle de administrativo.
painel de controle administrativo dashboard - exo platform
A partir do dashboard atividades administrativas, como adicionar ou remover usuários e grupos podem ser realizados sempre que necessário.

Como sair do exo platform

Emergencialmente, você pode parar tudo com Ctrl + D, mas não é recomendável. O jeito certo é ir ao terminal – pode ser aquele de onde você começou tudo e dar o comando:

./stop_exo.sh

Eventualmente, pode ser necessário, usar Ctrl + Z para readquirir o controle do terminal a partir do qual você executou a eXo Platform. Só então, será possível dar o comando de finalização. Tenha paciência, pois ele pode demorar um pouco para concluir esta tarefa.