Como capturar a tela no Openbox

Capturar a tela faz parte da cultura GNU/Linux, da mesma forma que personalizar e customizar o nosso desktop.
Em outros ambientes de sistemas operacionais, é comum usuários que nunca se viram antes usarem as mesmas configurações e tematizações.
Pessoas que usam Linux, comumente, amam personalizá-lo.
Capturar a tela é útil para mostrar a um técnico distante, um evento que esteja ocorrendo no seu computador, com certeza.
O mais legal, contudo, é poder mostrar pros amigos como ficou o seu desktop depois da sua última personalização, claro.
openbox logo
O gerenciador de janelas Openbox é altamente personalizável. Se quiser saber mais, leia sobre como trocar e instalar novos temas ou sobre como alterar o papel de parede aleatoriamente.

Como tirar screenshots no Openbox

O procedimento de capturar a tela, tem termos correspondentes, em inglês, como Print Screen e Screenshot.

O processo de captura de tela, no Openbox, pode ser disparado pela tecla Print Screen, como em outros gerenciadores de janelas.
A tecla faz um atalho para o aplicativo scrot, que pode ser invocado, se você quiser, do terminal.
print screen key
A pressionar a tecla, o scrot é acionado para capturar toda a área virtual — o que inclui as múltiplas telas, para quem usa vários monitores, que formam uma única área de trabalho virtual.
Para capturar apenas uma das janelas de aplicativos, pressione ‘Alt + Print Screen’ e dê clique/toque sobre a janela que deseja capturar.
Os arquivos de imagem contendo as capturas, serão armazenados na sua pasta home.

Como configurar captura de tela com o scrot

O scrot admite uma série de customizações para atender às suas necessidades.
Abra um terminal para testar algumas opções de uso do aplicativo.
Para capturar após 10 segundos e exibir uma contagem na tela:

scrot --delay 10 --count

Use o comando ls, para ver o novo arquivo criado:

ls *_scrot.png
_
2016-06-18-140911_1024x1368_scrot.png
_

O scrot nomeia, como comportamento padrão, os arquivos com a data, hora e resolução da imagem.
Mas você pode especificar o nome do arquivo, se quiser:

scrot --delay 10 --count captura-de-tela.png

Você pode especificar a qualidade da imagem (o padrão é 75%):

scrot --quality 95 captura-de-tela.png

Como configurar o atalho de teclado para o scrot

Você pode usar esta dica em outros gerenciadores de janelas.
Os atalhos de teclado no Openbox são armazenados no arquivo ‘~/.config/openbox/rc.xml’.
Saiba mais sobre atalhos de teclado no Openbox, clicando aqui.
Neste arquivo, a secção que descreve o uso do ‘Alt + Print Screen’ (captura da janela ativa) é a seguinte:

    <!-- Take a screenshot of the current window with scrot when Alt+Print are pressed -->
    <keybind key="A-Print">
      <action name="Execute">
        <command>scrot -s</command>
      </action>
    </keybind>

Para acrescentar um segundo atalho de teclado ‘Ctrl + Print Screen’, copie e cole o trecho anterior, logo abaixo.
E altere a sessão command.
No meu exemplo, vou configurar o atalho para capturar a tela após 5 segundos e mover o arquivo para dentro do diretório Imagens/temp.
Veja como ficou:

    <!-- Captura a tela com Ctrl + PrtScn e grava em Imagens/temp -->
    <keybind key="C-Print">
      <action name="Execute">
        <command>scrot --delay 5 -e "mv $f ~/Imagens/temp"</command>
      </action>
    </keybind>

Como adicionar ou alterar os atalhos de teclado do Openbox

Usuários experientes que chegam de outros gerenciadores de janelas, podem se sentir mais confortáveis ou tornar a curva de aprendizado mais eficiente se puderem, pelo menos, manter os atalhos de teclado que já estavam acostumados a usar.
Só para dar um exemplo, quem vem do Ubuntu, vai se sentir mais confortável no Openbox se puder continuar abrindo o seu terminal, com a combinação Ctrl+Alt+T (padrão no Unity, mas não no Openbox).
openbox configuration tool obconf
O Openbox tem uma ferramenta GUI de configuração padrão, o Obconf.
Infelizmente, esta ferramenta não tem ainda as opções de configuração dos atalhos de teclado.

O arquivo de configuração do Openbox

Toda a configuração do Openbox pode ser realizada dentro de um arquivo, que pode ser encontrado dentro de um dos subdiretórios do seu diretório home.
Use o seu editor favorito para abrí-lo (eu vou de Leafpad).
Antes de abrir o arquivo para edição, vou fazer uma cópia de segurança dele:

cp ~/.config/openbox/rc.xml ~/.config/openbox/rc-backup.xml
leafpad ~/.config/openbox/rc.xml

Não se sinta intimidado com a grande quantidade de texto.
As configurações ficam organizadas por sessão.
Os atalhos de teclado são chamados de keybindings e estão localizados em uma das últimas sessões do arquivo: keyboard.

<keyboard>
    <chainQuitKey>C-g</chainQuitKey>
    <!-- Keybindings for desktop switching -->
    <keybind key="C-A-Left">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>left</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="C-A-Right">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>right</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="C-A-Up">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>up</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="C-A-Down">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>down</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="S-A-Left">
      <action name="SendToDesktop">
        <to>left</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="S-A-Right">
      <action name="SendToDesktop">
        <to>right</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="S-A-Up">
      <action name="SendToDesktop">
        <to>up</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="S-A-Down">
      <action name="SendToDesktop">
        <to>down</to>
        <wrap>no</wrap>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-F1">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>1</to>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-F2">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>2</to>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-F3">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>3</to>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-F4">
      <action name="GoToDesktop">
        <to>4</to>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-d">
      <action name="ToggleShowDesktop"/>
    </keybind>
    <!-- Keybindings for windows -->
    <keybind key="A-F4">
      <action name="Close"/>
    </keybind>
    <keybind key="A-Escape">
      <action name="Lower"/>
      <action name="FocusToBottom"/>
      <action name="Unfocus"/>
    </keybind>
    <keybind key="A-space">
      <action name="ShowMenu">
        <menu>client-menu</menu>
      </action>
    </keybind>
    <!-- Take a screenshot of the current window with scrot when Alt+Print are pressed -->
    <keybind key="A-Print">
      <action name="Execute">
        <command>scrot -s</command>
      </action>
    </keybind>
    <!-- Keybindings for window switching -->
    <keybind key="A-Tab">
      <action name="NextWindow">
        <finalactions>
          <action name="Focus"/>
          <action name="Raise"/>
          <action name="Unshade"/>
        </finalactions>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="A-S-Tab">
      <action name="PreviousWindow">
        <finalactions>
          <action name="Focus"/>
          <action name="Raise"/>
          <action name="Unshade"/>
        </finalactions>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="C-A-Tab">
      <action name="NextWindow">
        <panels>yes</panels>
        <desktop>yes</desktop>
        <finalactions>
          <action name="Focus"/>
          <action name="Raise"/>
          <action name="Unshade"/>
        </finalactions>
      </action>
    </keybind>
    <!-- Keybindings for window switching with the arrow keys -->
    <keybind key="W-S-Right">
      <action name="DirectionalCycleWindows">
        <direction>right</direction>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-S-Left">
      <action name="DirectionalCycleWindows">
        <direction>left</direction>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-S-Up">
      <action name="DirectionalCycleWindows">
        <direction>up</direction>
      </action>
    </keybind>
    <keybind key="W-S-Down">
      <action name="DirectionalCycleWindows">
        <direction>down</direction>
      </action>
    </keybind>
    <!-- Keybindings for running applications -->
    <keybind key="W-e">
      <action name="Execute">
        <startupnotify>
          <enabled>true</enabled>
          <name>Konqueror</name>
        </startupnotify>
        <command>kfmclient openProfile filemanagement</command>
      </action>
    </keybind>
    <!-- Launch scrot when Print is pressed -->
    <keybind key="Print">
      <action name="Execute">
        <command>scrot</command>
      </action>
    </keybind>
  </keyboard>
  

Par ver uma relação completa dos atalhos de teclado padrão do Openbox, clique aqui.
Depois que você se debruça sobre o arquivo, por alguns minutos, fica fácil entender a sua lógica (mesmo que o inglês não seja o seu forte).
Se eu quiser, por exemṕlo, adicionar atalho de teclado ‘Ctrl + Alt + T’ para rodar o aplicativo de terminal, basta acrescentar o seguinte código dentro da sessão ‘keyboard’:

<!-- Executar o aplicativo de terminal quando Ctrl + Alt + T for pressionado -->
	    <keybind key="C-A-t">
	      <action name="Execute">
	        <command>lxterminal</command>
	      </action>
	    </keybind>

Ao finalizar a edição, toque com o botão direito do mouse/touchpad na área de trabalho e selecione Restart, para recarregar o arquivo de configurações (é rapidinho!).
openbox restart

A lista de teclas de atalho no Openbox

Conhecer as teclas de atalho ou as hotkeys da interface de um ambiente desktop ou de seus aplicativos favoritos é o caminho mais curto para fazer uso eficiente deles.
As hotkeys ajudam você a evitar de fazer aquela ginástica improdutiva de tirar a mão do teclado para pô-la no mouse, e vice-versa.
Neste texto, irei abordar as teclas de atalho da interface gráfica do gerenciador de janelas Openbox.
openbox logo

Hotkeys do Openbox

As teclas de atalho listadas, a seguir, se referem a versão 3.6.1 do Openbox, instalado no Debian 9 Stretch. Você pode encontrar algumas divergências em outras versões ou em outros sistemas operacionais.
Para saber a sua versão do Openbox, execute o seguinte comando no terminal:

openbox --version
Openbox 3.6.1
Copyright (c) 2004   Mikael Magnusson
Copyright (c) 2002   Dana Jansens

This program comes with ABSOLUTELY NO WARRANTY.
This is free software, and you are welcome to redistribute it
under certain conditions. See the file COPYING for details.
  • Alt-F4 — fecha a janela atual.
  • Alt-Space — exibe o client menu da janela ativa.
  • Alt-Tab — alterna entre as janelas presentes na área de trabalho.
  • Alt-Shift-Tab — alterna entre as janelas presentes na área de trabalho na ordem inversa.
  • Ctrl-Alt-Tab — alterna entre painel e janelas na área de trabelho.
  • Super-D — esconde todas as janelas para exibir a área de trabalho.
  • Super-E — Roda o aplicativo kfmclient ou Konqueror file manager (Se ele estiver instalado}.
  • Alt-Escape — Move a janela ativa para baixo de todas as outras e eleva a última que estava em uso.
  • Alt-botão esquerdo do mouse/touchpad — pode ser usado para mover a janela sob o ponteiro.
  • Alt-botão direito do mouse/touchpad — pode ser usado para redimensionar a janela sob o ponteiro. A janela será redimensionada na direção do canto em que se encontra o ponteiro em relação a ela.
  • Alternância entre desktops

  • Super-F1 — vai para o primeiro desktop.
  • Super-F2 — vai para o segundo desktop.
  • Super-F3 — vai para o terceiro desktop.
  • Super-F4 — vai para o quarto desktop.
  • Ctrl-Alt-seta à esquerda — Abre a janela de alternância entre desktops e vai para o desktop à esquerda do atual
  • Ctrl-Alt-seta à direita — Abre a janela de alternância entre desktops e vai para o desktop à direita do atual.
  • Ctrl-Alt-seta para cima — abre o diálogo de alternância de área de trabalho para mover para a área de trabalho acima da atual. Só irá funcionar se o pager estiver configurado para trabalhar com múltiplas linhas.
  • Ctrl-Alt-seta para baixo — abre o diálogo de alternância de área de trabalho para mover para a área de trabalho abaixo da atual. Só será útil se o pager estiver configurado para trabalhar com múltiplas linhas.
  • Shift-Alt-seta para esquerda — Abre a caixa de diálogo de alternância entre desktops, para se mover automaticamente para a esquerda e levar junto a janela atual/ativa.
  • Shift-Alt-seta para direita — Abre a caixa de diálogo de alternância entre desktops, para se mover automaticamente para a direita e levar junto a janela atual/ativa.
  • Shift-Alt-seta para cima — abre a caixa de diálogo de alternância entre desktops, para se mover automaticamente para cima e levar a janela atual/ativa.
  • Shift-Alt-seta para baixo — abre a caixa de diálogo de alternância entre desktops, para se mover automaticamente para baixo e levar a janela atual/ativa.
  • Alt-Scroll wheel — use a tecla Alt combinada com a roda do mouse ou com o gesto de rolagem do touchpad para alternar entre as áreas de trabalho.

Como capturar sua tela em imagem e vídeo, no GNOME, com alguns toques no teclado.

Com frequência, mostrar o que está ocorrendo na sua tela é importante, para mostrar a um técnico a ocorrência de uma determinada situação ou, para quem produz conteúdo, por exemplo, mostrar a outros usuários o funcionamento de algum software.
Você pode ativar as funções de captura e gravação de sua tela através de algumas teclas de atalho.
Gnome logo BW wallpaper
Veja a tabela, abaixo:

Atalho Ação
PrintScreen Captura toda a tela atual.
Esta tecla pode ter nomes ligeiramente diferentes de um teclado para outro. No meu notebook, ela está como Prt Sc e precisa ser acessada através da tecla de função Fn.
Alt + PrintScreen Captura a imagem da janela do aplicativo atual (que estão sob foco do sistema).
Shift + PrintScreen Captura uma área da tela. O cursor do mouse muda para uma cruz (ou sinal de +) e espera que você desenhe um quadro ao redor da área da tela que deseja que seja capturada.
Ctrl + Alt + Shift + R Inicia a gravação em vídeo da sua tela.
Ao pressionar este atalho, um botão redondo vermelho será exibido no canto superior direito, enquanto a gravação estiver ativa.
Você pode parar a gravação ao repetir o acionamento destas teclas.

Você poderá encontrar as imagens da captura na sua área de trabalho ou no seu diretório ‘/home’.
O vídeo capturado é gravado na pasta ‘Vídeos’ (em formato webm).

Teclas de atalho avançadas para o GNOME

Depois de aprender a usar as teclas de atalho básicas, no seu ambiente gráfico favorito, este é o passo mais avançado para se adquirir a máxima eficiência no uso da interface.
Pensando nos usuários que, por um motivo ou outro, não disponham de um mouse ou touchpad para guiar o ponteiro na tela, nem disponham de um dispositivo de toque, o GNOME 3 permite realizar uma série de tarefas com uso apenas do teclado.
Neste post, vou além das teclas de atalho do Gnome — vou mostrar como tirar a mão o mínimo possível do teclado, para manusear todo o seu ambiente de trabalho, com o objetivo de maximizar sua produtividade.
Se você quiser dar uma olhada nas teclas de atalho básicas do GNOME, clique aqui.
Segue, abaixo, uma tabela com os atalhos e a descrição da sua ação.
Gnome 3 logo vertical oficial

Atalho de teclado Descrição de seus efeitos
Tab e Ctrl + Tab Move o foco do teclado entre diferentes controles.
Ctrl + Tab move o foco entre grupos de componentes da interface, tal como da barra lateral para o conteúdo principal da área de trabalho.
Alguns aplicativos (como o Firefox/Iceweasel) usam Ctrl + Tab para alternar entre suas abas.
Combine com a tecla Shift, para reverter a ordem de alternância do controle.
← ↓ ↑ → As teclas direcionais podem ser usadas em subgrupos de itens, como botões de rádio, caixas de seleção (a tecla Tab também).
As listas em árvore aceitam as teclas direcionais para expandir ou colapsar subitens.
Ctrl + ← ↓ ↑ → Em conjunto com a tecla Ctrl, dentro de um menu com ícones ou em uma lista, pode ser usado para mover o foco do teclado entre os itens sem alterar sua seleção.
Shift + ← ↓ ↑ → Em uma lista ou em modo de ícones, pode ser usado para selecionar todos os itens, a partir do que estiver selecionado.
Espaço Ativa um item que esteja sob foco, tal como um botão, uma caixa de seleção etc.
Ctrl + Espaço Seleciona ou desativa um item, sem desativar outros itens previamente selecionados.
Alt Pressione a tecla Alt para revelar aceleradores — letras sublinhadas nos nomes dos itens de menu, nos botões etc.
Pressione a tecla Alt, seguida da letra sublinhada para ativar o controle a que ela se refere.
Esc Uma das teclas mais antigas da computação, a tecla de “escape” pode ser usada para sair de um menu, uma janela popup, um switcher ou uma janela de diálogo comum.
F10 Abre o primeiro menu na barra de menu da janela do aplicativo ativo. Você pode usar as teclas direcionais para navegar entre os vários menus do programa a partir daí.
Super + F10 Abre o menu de aplicativos no barra de status do GNOME.
Shift + F10 Equivale à tecla Menu, presente em alguns teclados.
Equivale, ainda, ao botão direito do mouse/touchpad, quando pressionado sobre um item.
Ele ativa um menu contextual relativo ao item que detém o foco.
Ctrl + F10 No gerenciador de arquivos padrão do GNOME, exibe o menu de contexto, referente ao item ou à pasta selecionada — de onde é possível copiar, renomear, excluir etc.
Equivale a um clique, com o botão direito, sobre o fundo da janela.
Ctrl + PageUp ou Ctrl + PageDown Em uma interface baseada no uso do Tab para navegar, alterna pro item de tabulação da esquerda ou da direita.
Navegação na área de trabalho
Alt + F1 ou Super Alterna entre exibição das Atividades e a área de trabalho.
De maneira geral, para encontrar e executar um aplicativo, basta começar a digitar seu nome.
Super + Tab Alterna rapidamente entre as janelas de aplicativos ativos no sistema. Use o Shift para reverter a ordem de seleção.
Super + ' A segunda tecla, desta combinação, corresponde à tecla de aspas simples ou apóstrofe, que fica em cima da tecla Tab.
Ctrl + Alt + Tab Eleva o foco do teclado à barra de status no topo da tela. Use a mesma combinação de teclas, para sair desta seleção.
Na visualização Atividades, alterna o foco do teclado entre a barra no topo, o Dash, visualização de janelas, a lista de aplicações, o campo de buscas e a barra (ou bandeja) de mensagens.
Use as teclas direcionais para navegar.
Super PageUp e Super PageDown Alterna entre as áreas de trabalho.
Alt + F6 e Alt + ' Circula o foco entre as janelas do mesmo aplicativo.
Alt + Esc Circula entre as janelas abertas em uma área de trabalho — sem exibir a barra de visualização de janelas. Ele é diferente, neste ponto, do Alt + Tab.
Super + M Abre a bandeja de mensagens. Tecle Esc para fechar.
Navegação entre janelas
Alt + F4 Fecha a janela atual (essa você já sabe). 😉
Alt + F5 ou Super + ↓ Restaura a janela maximizada a seu estado ou tamanho original.
Você pode usar Alt + F10 para maximizar/restaurar.
Alt + F7 Move a janela atual.
Use as teclas direcionais para fazer a movimentação. Quando a janela estiver no ponto certo, pressione Enter para finalizar.
Se você pressionar Esc, a janela retorna a seu lugar original, cancelando suas alterações.
Alt + F8 Tem o mesmo funcionamento do Alt + F7, só que serve para redimensionar a janela.
Super + Shift + PageUp e Super + Shift + PageDown Movimenta a janela atual para outra área de trabalho.
Alt + F10 e Super + ↑ Maximiza/restaura a janela atual.
Super + H Minimiza uma janela.
Super + → e Super + ← Maximiza a janela atual em uma metade da tela (na direção da seta).
Útil para colocar janelas lado a lado.
Alt + Space Exibe o menu de janela, tal como se você tivesse clicado com o botão direito do mouse/touchpad na barra de títulos.

* A tecla Super é aquela que tem uma janelinha desenhada.