grsync rsync

Copie arquivos entre dispositivos, com a máxima segurança, usando o grsync

O Grsync é uma interface gráfica para o programa de cópias rsync, desenvolvida em GTK2.
Até o momento, suporta os recursos mais importantes do rsync da linha de comando e é indicado para realizar sincronização de diretórios locais.

Pode ser chamado da interface gráfica, como qualquer outro programa e tem versões para Windows, Mac e Linux.

Se preferir executar da linha de comando (CLI), é possível especificar uma determinada sessão a ser carregada, em vez da sessão padrão.
Se nenhum parâmetro for dado, na CLI, ele carrega a última tarefa realizada, o que facilita a vida de quem sempre usa o rsync de uma só maneira, para copiar os mesmos arquivos para o mesmo destino.

Como instalar o Grsync

Usuários Windows e Mac, vejam os links de download ao final do post.

Para a turma do Linux, o aplicativo faz parte dos repositórios (lojas) oficiais das principais distribuições.
Debian Ubuntu Instalar programas

Será fácil encontrá-lo no seu gerenciador/instalador de programas (ou loja de apps).
Instalação do grsync

Quem prefere a linha de comando, pode usar o apt (Debian/Ubuntu):


sudo apt install grsync

Como usar o Grsync

Basicamente, tudo o que se precisa fazer é indicar a pasta/diretório de origem e o destino.
Claro que há uma série de outras opções de ajustes para as suas cópias saírem de acordo com as suas necessidades.
A interface está quase toda traduzida para o português, o que facilita fazer suas escolhas, quanto ao modo de operação do programa.
Tela do Grsync

Você pode passar o cursor do mouse sobre as alternativas do painel, para obter uma ajuda sensível ao contexto, através de uma pop up box.
O painel de opções avançadas apresenta itens de segurança de dados durante a cópia e um espaço, semelhante à linha de comando, para personalizar suas opções.

Durante a execução, o Grsync exibe o andamento das cópias individuais (no caso de vários arquivos) e no decurso total da tarefa.

Não há nada que o Grsync faça que não seja possível realizar, com mais flexibilidade e controle, na linha de comando com o rsync.
Mas é uma aplicação alternativa e excelente para quem prefere usar a GUI para transferência de arquivos.

Se quiser saber mais sobre o rsync, leia aqui.

Referências

Página de download da versão para Windows: http://grsync-win.sourceforge.net/
Página de download da versão para Mac: http://grsync-mac.tuxfamily.org/?lang=en

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *