finepix sl1000

Como verificar online o shutter count ou o número de cliques que uma câmera já deu (antes de comprar)

Comprar uma câmera usada pode ser um excelente negócio para qualquer pessoa.
Este tipo de produto é conhecido por reter seus valores razoavelmente bem e, se você está se iniciando na fotografia, qualquer câmera, que permita ajustes manuais, poderá ser uma grande companheira de aventuras — e por muito tempo.

Mas, como qualquer outra mercadoria usada, é necessário checar alguns itens antes de se dar o sinal verde para a compra.
O shutter count é um destes itens.
É sobre ele que vamos falar, neste post.

O número, representado pelo shutter count, é (em tese) equivalente à quantidade de vezes em que o obturador da câmera foi usado.

Como se trata de uma peça mecânica, dá para imaginar que tenha uma vida útil, tal como o motor de qualquer carro.
E ao comprar um carro usado, você certamente vai querer saber quantos quilômetros ele já rodou.

Contudo, não existe lei que obrigue os fabricantes de câmeras a fornecer um número exato de cliques que ela já teve.
Portanto, se o fabricante não mostra, no painel de informações sobre o equipamento, o valor do shutter count, você terá que obter a informação por outros meios.

Por que é tão importante saber quantos cliques já foram dados com a câmera?

As câmeras são feitas de inúmeras peças pequenas e sensíveis.
O obturador é uma destas pecinhas delicadas e cujo conserto ou substituição pode ser bem caro.
Em câmeras muito antigas, você pode simplesmente não conseguir as peças de reposição.
Além disto, ao tentar arrumar o obturador, um técnico pode acabar causando desgastes ou danos a outras partes internas da câmera — o que vai te obrigar a levá-la de volta à assistência algum tempo depois.
É uma simples questão econômica: o barato pode sair caro.
No site abaixo é possível saber a média de vida de alguns modelos:

http://www.olegkikin.com/shutterlife/.

É uma boa ideia, antes de comprar uma determinada câmera, checar qual a média de cliques que o modelo costuma atingir — e confrontar com o valor já atingido.

Para citar um exemplo, a Canon EOS 5D Mark II chegou a ultrapassar a marca de 1 milhão de cliques em 30 casos relatados pelo site (19/02/2018).
Mas também há 31 casos em que ela morreu entre 5.000 e 10.000 cliques.
A média de vida útil, ainda segundo o site (na data em que eu verifiquei), supera os 137 mil cliques.

Sites online que mostram quantas vezes o obturador da câmera já disparou

A vida útil possível de uma câmera depende de muitos fatores, além da marca e do modelo.
Alguns modelos jamais irão além de algumas dezenas de milhares de cliques. Outros, podem ultrapassar um milhão de cliques — a “sorte” também deve ser levada em conta, nestes casos.
Os sites abaixo usam os dados EXIF das suas fotos para obter o valor do shutter count da câmera que as tirou.

  1. https://www.camerashuttercount.com/.
  2. http://www.myshuttercount.com/.
  3. http://www.nikonshuttercount.com/ (para câmeras Nikon)

Tudo o que você precisa fazer é enviar uma foto atual, tirada com a câmera em questão.
O problema é que os sites são úteis apenas para obter a informação sobre câmeras Canon e Nikon (e algumas outras marcas).
A melhor maneira de saber se vão funcionar com a câmera que você deseja comprar é experimentando.
A minha velha Fujifilm Finepix SL1000 não fornece esta informação.
A Fuji considera desligar/ligar o dispositivo, mudar o modo de display do viewfinder ou selecionar o modo playback, como fatores concorrentes para o incremento do número de cliques de uma câmera.

Outras maneiras de “prever” o desgaste do obturador

Alguns fotógrafos se arrependem, logo depois de comprar o equipamento ou apenas compram para experimentar um pouco e, depois, resolvem passar para a frente.
Às vezes a câmera adquirida não é exatamente o que se estava buscando.
Se este for o caso, o equipamento é semi-novo.
Conhecer e entender a atividade do fotógrafo que está vendendo a câmera também ajuda a saber “o estado” do obturador.
Algumas tarefas são muito desgastantes para a peça e outras, simplesmente, a deixam descansar.
Fotógrafos de eventos precisam, geralmente, tirar um grande número de fotos a cada evento. É da natureza do seu trabalho.
Nestes casos, pode-se esperar um shutter count maior.
Se ele ou ela usou a câmera por um período curto, a compra pode compensar, caso você vá usar o equipamento como um hobby.

Fotógrafos de estúdio, usualmente, tiram quantidades definidas de fotos e seus equipamentos podem ter desgaste bem menor.

Comprar a câmera de um vlogueiro, pode ser uma boa?
É possível que sim.
Filmagens, ao contrário do que se possa imaginar, desgastam muito pouco o obturador — uma vez que ele permanece aberto e parado durante toda a tarefa.
Sob este ponto de vista, usuários que usam suas câmeras predominantemente para filmagens podem ter equipamento em excelentes condições, mesmo após vários anos de uso.

referências

Leia mais nestes outros sites:
https://fotografiadicas.com.br/como-comprar-uma-camera-dslr-usada/.
http://fotografiatododia.com.br/nao-compre-uma-camera-usada-sem-saber-o-seu-shutter-count/.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

2 comentários sobre “Como verificar online o shutter count ou o número de cliques que uma câmera já deu (antes de comprar)”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.