red hat logo

Como se tornar desenvolvedor(a) Red Hat Linux.

A Red Hat tem investido para melhorar seu programa voltado a criar uma comunidade mais sólida de desenvolvedores em torno da sua própria versão do GNU/Linux.
Para fazer parte do programa, é necessário apenas se cadastrar no site da empresa e fazer o download da(s) versão(ões) desejadas do sistema operacional.

É possível usar o QEMU para rodar qualquer uma das versões do Red Hat.
Da mesma forma, é possível rodar com o KVM ou o VirtualBox (do Windows, por exemplo).
O ideal, como sempre, é fazer seus backups, formatar seu notebook e instalar a distro — ou seja, imergir na plataforma.
red hat oficial logo

O Red Hat Developer Program foi lançado com o objetivo de prover uma experiência completa para desenvolvedores(as) que desejam criar e manter softwares corporativos dentro da plataforma da empresa.
Através do programa você terá acesso a ferramentas de desenvolvimento (presentes no pacote de instalação) e no site da empresa.
O cadastro é gratuito.

O programa permite que desenvolver, testar, criar protótipos e demos de seus softwares na mesma plataforma corporativa que a Red Hat oferece a seus grandes clientes.

Através do programa, a empresa dá acesso a recursos e a um completo ecossistema de experts que podem ajudar o trabalho de desenvolvimento ser mais produtivo.

A suíte de aplicativos Red Hat Development Suite provê os seguintes itens:

  • Red Hat JBoss Developer Studio 11.1
  • Red Hat Container Development Kit 3.2
  • Red Hat JBoss Enterprise Application Platform 7.0
  • Red Hat JBoss Fuse Integration Platform and Tooling
  • OpenJDK 8

Além disto, você poderá instalar outras ferramentas que julgar adequadas ao seu ambiente de trabalho, como IDEs, compiladores, editores de texto etc.

Referências

Red Hat Developer Program: https://developers.redhat.com/products/rhel/download/.
Página em português do programa da Red Hat: https://access.redhat.com/documentation/pt-br/red_hat_enterprise_linux/7/html/installation_guide/chap-download-red-hat-enterprise-linux.
Como gravar o Linux em um pendrive: https://elias.praciano.com/2017/01/como-gravar-linux-em-um-pendrive/.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.