piwigo logo

Como instalar o Piwigo no Linux

O Piwigo é um software para criar e gerenciar galerias e álbuns de fotos, voltado para profissionais de fotografia e pessoas comuns (eu!!!) — que apenas querem ter um espaço seu, para guardar suas imagens.

Desenvolvedores e usuários trabalham junto, para fazer do Piwigo um app (de código aberto) cada vez melhor.

Softwares de galerias de foto são a solução ideal para quem deseja publicar suas imagens — do seu jeito e ter total liberdade sobre elas.
Uma empresa pode deixar todo o seu banco de imagens disponível interna e/ou externamente através da galeria online.
O Piwigo permite editar os níveis de privacidade das fotos individualmente ou de álbuns inteiros.

Quais são os requisitos para instalar e rodar o Piwigo

O aplicativo é muito “democrático” e pode ser instalado em uma gama variada de configurações. Segue os requisitos básicos, de acordo com a documentação oficial:

  • Um servidor web Apache. Mas também pode ser Lighttpd ou Nginx.
  • Um servidor de banco de dados MySQL 5 ou MariaDB.
  • Suporte a PHP 5.2.
  • A suíte de aplicativos ImageMagick ou GD.
  • 30 Mb para instalar o app. Mas você vai precisar bem mais, para armazenar suas fotos, claro.

Instalação com um único clique

Alguns provedores de hospedagem, como o DreamHost, possuem um painel de controle a partir do qual é possível instalar com um clique (one-click installs) dezenas de aplicativos web.
piwigo one-click install
Se você possui uma conta em um provedor de hospedagem Linux, então os requisitos estão, provavelmente, todos preenchidos.

Se o seu provedor oferece o Piwigo como opção de instalação simplificada — e você não se importa de usar uma versão desatualizada, porém estável, sugiro usar este meio para instalar o software.

Como instalar a versão mais atual do Piwigo direto do site oficial

Usuários mais avançados, contudo, podem preferir uma versão mais atualizada do software, mesmo que tenham que “meter a mão na massa” para isto.
Neste caso, você vai ter que fazer o download do site oficial e instalar por conta própria — o que inclui configurar o seu banco de dados.
Este é o cenário onde fiz a minha instalação:

  • Servidor Ubuntu 14.04 LTS.
  • MySQL 5.5.
  • PHP 7.0
  • Apache web server —. Se você não tiver um servidor LAMP (Linux, Apache, PHP e MySQL) instalado, leia este post.

Este artigo, parte do pressuposto de que você já tem instalado um servidor web, com suporte a PHP e MySQL.
Vou mostrar como proceder através do uso do aplicativo netinstall — por que ele é pequeno e leve e baixa apenas o que é preciso para a nossa configuração.
Você pode encontrá-lo neste endereço.
piwigo netinstall
Para mandar o netinstall para o servidor em que você fará a instalação, use o scp ou baixe-o direto com o comando wget, na pasta em que você deseja instalar o Piwigo:


wget http://piwigo.org/download/dlcounter.php?code=netinstall -O piwigo-netinstall.php


--2017-06-06 14:55:19--  http://piwigo.org/download/dlcounter.php?code=netinstall
Resolving piwigo.org (piwigo.org)... 87.98.147.22
Connecting to piwigo.org (piwigo.org)|87.98.147.22|:80... connected.
HTTP request sent, awaiting response... 200 OK
Length: 15282 (15K) [application/zip]
Saving to: ‘piwigo-netinstall.php’

piwigo-netinstall.php                 100%[========================================================================>]  14,92K  83,4KB/s    in 0,2s    

2017-06-06 14:55:23 (83,4 KB/s) - ‘piwigo-netinstall.php’ saved [15282/15282]

Daqui pra frente, o processo segue via web. Acesse a página em que você instalou o netinstall: http://meusite.com.br/galeria/.
Para conseguir concluir o processo, você precisa ter em mãos (ou de memória) as seguintes informações:

  1. O hostname do servidor MySQL ou MariaDB.
  2. O nome do banco de dados.
  3. Um nome de usuário do banco de dados.
  4. A senha deste usuário.
  5. Um prefix predefinido para a tabela de dados do Piwigo, o que irá facilitar a organização do aplicativo dentro do banco de dados.

Se você não tem estas informações, peça ao administrador da rede ou do servidor para te ajudar.
Abra um navegador e acesse o endereço para o qual você copiou o arquivo piwigo-netinstall.php.
Na primeira tela da instalação, é possível indicar o idioma da instalação (1), uma outra pasta ou diretório para instalar o app e, por fim, começar o processo (3).
piwigo install
Na tela que segue, já será necessário fornecer aquelas informações, de que falamos há pouco.
Preencha com toda a atenção.
piwigo install
Abaixo destas informações preencha os campos para a criação da conta do webmaster/administrador da galeria de fotos.
Prossiga.
piwigo install
Na outra tela, o sistema informa se tudo deu certo.
Se houver alguma mensagem de erro, volte à tela anterior e verifique cuidadosamente, meticulosamente, cada informação dada.
Se tudo correu bem, o programa de instalação irá baixar os arquivos de que precisa, criar as pastas e organizar o banco de dados para finalizar a sua galeria.
O Piwigo oferece um tour, logo após sua primeira tela de apresentação.
Vale a pena seguir, para começar a entender o funcionamento da galeria.
piwigo install tour

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *