Categories
Fotografia Linux Tutoriais

Como instalar o Piwigo no Linux

Como instalar a galeria online de imagens Piwigo via netinstall em seu servidor Linux.

O Piwigo é um software para criar e gerenciar galerias e álbuns de fotos, voltado para profissionais de fotografia e pessoas comuns (eu!!!) — que apenas querem ter um espaço seu, para guardar suas imagens.

Desenvolvedores e usuários trabalham junto, para fazer do Piwigo um app (de código aberto) cada vez melhor.

Softwares de galerias de foto são a solução ideal para quem deseja publicar suas imagens — do seu jeito e ter total liberdade sobre elas.
Uma empresa pode deixar todo o seu banco de imagens disponível interna e/ou externamente através da galeria online.
O Piwigo permite editar os níveis de privacidade das fotos individualmente ou de álbuns inteiros.

Quais são os requisitos para instalar e rodar o Piwigo

O aplicativo é muito “democrático” e pode ser instalado em uma gama variada de configurações. Segue os requisitos básicos, de acordo com a documentação oficial:

  • Um servidor web Apache. Mas também pode ser Lighttpd ou Nginx.
  • Um servidor de banco de dados MySQL 5 ou MariaDB.
  • Suporte a PHP 5.2.
  • A suíte de aplicativos ImageMagick ou GD.
  • 30 Mb para instalar o app. Mas você vai precisar bem mais, para armazenar suas fotos, claro.

Instalação com um único clique

Alguns provedores de hospedagem, como o DreamHost, possuem um painel de controle a partir do qual é possível instalar com um clique (one-click installs) dezenas de aplicativos web.
piwigo one-click install
Se você possui uma conta em um provedor de hospedagem Linux, então os requisitos estão, provavelmente, todos preenchidos.

Se o seu provedor oferece o Piwigo como opção de instalação simplificada — e você não se importa de usar uma versão desatualizada, porém estável, sugiro usar este meio para instalar o software.

Como instalar a versão mais atual do Piwigo direto do site oficial

Usuários mais avançados, contudo, podem preferir uma versão mais atualizada do software, mesmo que tenham que “meter a mão na massa” para isto.
Neste caso, você vai ter que fazer o download do site oficial e instalar por conta própria — o que inclui configurar o seu banco de dados.
Este é o cenário onde fiz a minha instalação:

  • Servidor Ubuntu 14.04 LTS.
  • MySQL 5.5.
  • PHP 7.0
  • Apache web server —. Se você não tiver um servidor LAMP (Linux, Apache, PHP e MySQL) instalado, leia este post.

Este artigo, parte do pressuposto de que você já tem instalado um servidor web, com suporte a PHP e MySQL.
Vou mostrar como proceder através do uso do aplicativo netinstall — por que ele é pequeno e leve e baixa apenas o que é preciso para a nossa configuração.
Você pode encontrá-lo neste endereço.
piwigo netinstall
Para mandar o netinstall para o servidor em que você fará a instalação, use o scp ou baixe-o direto com o comando wget, na pasta em que você deseja instalar o Piwigo:


wget http://piwigo.org/download/dlcounter.php?code=netinstall -O piwigo-netinstall.php


--2017-06-06 14:55:19--  http://piwigo.org/download/dlcounter.php?code=netinstall
Resolving piwigo.org (piwigo.org)... 87.98.147.22
Connecting to piwigo.org (piwigo.org)|87.98.147.22|:80... connected.
HTTP request sent, awaiting response... 200 OK
Length: 15282 (15K) [application/zip]
Saving to: ‘piwigo-netinstall.php’

piwigo-netinstall.php                 100%[========================================================================>]  14,92K  83,4KB/s    in 0,2s    

2017-06-06 14:55:23 (83,4 KB/s) - ‘piwigo-netinstall.php’ saved [15282/15282]

Daqui pra frente, o processo segue via web. Acesse a página em que você instalou o netinstall: http://meusite.com.br/galeria/.
Para conseguir concluir o processo, você precisa ter em mãos (ou de memória) as seguintes informações:

  1. O hostname do servidor MySQL ou MariaDB.
  2. O nome do banco de dados.
  3. Um nome de usuário do banco de dados.
  4. A senha deste usuário.
  5. Um prefix predefinido para a tabela de dados do Piwigo, o que irá facilitar a organização do aplicativo dentro do banco de dados.

Se você não tem estas informações, peça ao administrador da rede ou do servidor para te ajudar.
Abra um navegador e acesse o endereço para o qual você copiou o arquivo piwigo-netinstall.php.
Na primeira tela da instalação, é possível indicar o idioma da instalação (1), uma outra pasta ou diretório para instalar o app e, por fim, começar o processo (3).
piwigo install
Na tela que segue, já será necessário fornecer aquelas informações, de que falamos há pouco.
Preencha com toda a atenção.
piwigo install
Abaixo destas informações preencha os campos para a criação da conta do webmaster/administrador da galeria de fotos.
Prossiga.
piwigo install
Na outra tela, o sistema informa se tudo deu certo.
Se houver alguma mensagem de erro, volte à tela anterior e verifique cuidadosamente, meticulosamente, cada informação dada.
Se tudo correu bem, o programa de instalação irá baixar os arquivos de que precisa, criar as pastas e organizar o banco de dados para finalizar a sua galeria.
O Piwigo oferece um tour, logo após sua primeira tela de apresentação.
Vale a pena seguir, para começar a entender o funcionamento da galeria.
piwigo install tour

Subscribe to Blog via Email

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

By Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia.
Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman".
Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.