Linux tux

Gerencie seus links e páginas preferidas com o Buku

Todo mundo precisa gerenciar seus bookmarks ou links para páginas favoritas.
Uma boa gestão das suas páginas favoritas, pode ser a diferença entre gastar tempo precioso, (re)caçando a informação nos mecanismos de busca e ir direto ao ponto.
buku gestor de favoritos e bookmarks
O Buku, a princípio tem a desvantagem de não ser portável, como os gestores online.
Contudo, tem outras vantagens, como a segurança — criptografia, possibilidade de manter backup dos atuais bookmarks de seus navegadores etc.
Desenvolvido por Arun Prakash Jana, o Buku já tem pacotes de instalação disponíveis nos repositórios de várias distribuições Linux.
No Debian, ele pode ser instalado via apt:

sudo apt update
sudo apt install buku

Após a instalação, já é possível fazer uso do aplicativo, direto no terminal.
Para adicionar um novo link, use o ‘–add’:

buku --add https://elias.praciano.com

O aplicativo pode atualizar seu banco de dados em relação aos campos dos bookmarks online.
Se a opção ‘–update’ for dada sem acompanhamento algum, todos os títulos do banco de dados são atualizados.

buku --update

O ideal é copiar o endereço da barra do navegador para a linha de comando do Buku.
Caso o endereço contenha caracteres especiais, como ‘;’ ou ‘&’, coloque-o todo entre “aspas duplas” ou ‘aspas simples’.

Criptografia e privacidade

Muitas pessoas, em caso de roubo ou acesso não autorizado, não gostariam de expôr as páginas que guardam nos favoritos.
O Buku guarda as suas informações, usando criptografia AES 256 bit.
Para ativar o dispositivo de segurança, use a opção ‘–lock’ e para destravar, use ‘–unlock’:

buku --lock
Password: 
Password: 

File encrypted

Não esqueça de destravar, quando quiser fazer uso do banco de dados novamente:

buku --unlock
Password: 
File decrypted

how to encrypt buku database

Como realizar buscas dentro do banco de dados do Buku

De acordo com a página do manual do aplicativo, a busca funciona por meios misteriosos… 😉
Use a opção ‘–sall’, para realizar uma busca por todas as páginas que contenham a palavra ‘geek’:

buku --sall geek
1. https://elias.praciano.com [1]
   > Elias Praciano - Os tutoriais do geek

2. https://coisasdogeek.com.br/doc [2]
   > Coisas do Geek | Revista Geek
Results, ranges (x-y,(a)ll) to open: 

A opção ‘–sall’ quer dizer search all, ou “busca tudo”.
Como você pôde ver, no resultado acima, é possível abrir imediatamente (no navegador padrão do seu sistema) as páginas encontradas:

  • se teclar 1, abre https://elias.praciano.com
  • se teclar 2, abre https://coisasdogeek.com.br/doc
  • se teclar a, abre todas as opções listadas, acima
  • … ou tecle Ctrl C, para cancelar

Você pode procurar por mais de uma palavra, também:

buku --sall tutoriais elias

O buku irá mostrar todas as entradas que coincidam com as 2 palavras sugeridas acima:

1. https://elias.praciano.com [1]
   > Elias Praciano - Os tutoriais do geek

Results, ranges (x-y,(a)ll) to open: 

Veja as opções de busca:

  • --sany — abreviatura para search any. Faz a busca por qualquer uma das ocorrências descritas na linha de comando.
  • --sall — faz a busca por itens no banco de dados que contenham todas todas as ocorrências.
  • --deep — procura por coincidências entre substrings, ou seja, se “aprofunda” nas palavras.
    Por exemplo, se você procurar por “suse”, ele poderá retornar conteúdo com “openSuSE”.
  • --sreg — abreviatura para search regular expression. Faz a busca por expressões regulares.
  • --stag — faz as buscas pela tag fornecida na linha de comando

Você pode usar ‘–sall’ ou ‘–sany’ para listar todas entradas, se quiser:

buku --sall ""
1. https://elias.praciano.com [1]
   > Elias Praciano - Os tutoriais do geek

2. https://coisasdogeek.com.br/doc [2]
   > Coisas do Geek | Revista Geek

3. https:www.debian.org [3]

4. https://www.debian.org [4]
   > Debian -- The Universal Operating System

Results, ranges (x-y,(a)ll) to open: ^C
Interrupted.

Como remover um entrada de endereço favorito

Os bookmarks indesejados podem ser removidos com a opção ‘–delete’, acompanhada do número do índice dela no banco de dados.
Veja um exemplo:

buku --delete 3

ou vários índices de uma só vez. No exemplo, abaixo, como remover do 3 ao 6:

buku --delete 3-6
Bookmarks from index 3 to 6 deleted

Referências

Perfil do desenvolvedor no Github: https://github.com/jarun.
Página oficial do Buku no Github: https://github.com/jarun/Buku.
https://itsfoss.com/buku-command-line-bookmark-manager-linux/

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia.
Fã de séries, como “Rick and Morty” e “BoJack Horseman”.
Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *