gnu linux tux flag

Skolelinux Jessie (ou Debian Edu). A solução educacional completa

O Skolelinux é mais do que uma distro voltada a propósitos educacionais ou pedagógicos.
Também chamada – tradicionalmente – de Debian Edu, a Skolelinux abrange estas áreas — e cobre também a administração escolar, além de outros departamentos auxiliares do ensino.
São estas, entre outras, as características que fazem desta distro, uma solução educacional completa.

Debian Wheezy - Skolelinux
Logo do Skolelinux – Debian.

O Debian Edu ou Skolelinux não é uma distro, em si.
Trata-se de um, dos vários pure blends disponíveis, tendo o Debian como base.

Grandes distribuições, como Fedora, openSUSE, Ubuntu etc. também têm blends voltados para a área educacional e pedagógica. Ou seja, se você não se dá muito bem com o Debian, há outras opções.

O Skolelinux Wheezy

Baseado no Debian Wheezy 7, tem a seu favor o suporte técnico da comunidade e dos desenvolvedores, até o ano de 2018.
É a opção ideal para quem prefere um ambiente estável, em detrimento de aplicativos mais atuais.
Você pode ler mais sobre esta versão neste post — que conta com depoimentos da comunidade de usuários e os sites de download.
Se quiser conhecer outras alternativas de distribuições Linux para a educação, leia este artigo.

O Skolelinux Jessie

Baseado na atual versão stable do Debian, contém software mais atual e – em se tratando do Debian – nem por isso, menos estável.
Com suporte previsto até 2020, é uma opção viável para quem não deseja trocar tão cedo os sistemas operacionais instalados em seu parque de máquinas.

Como transformar o Debian em um pure blend

Existe, ainda, a possibilidade de transformar a sua instalação atual em um dos vários Debian pure blends disponíveis, com a instalação dos meta-pacotes adequados.
A ferramenta de linha de comando tasksel pode ser usada para escolher um ou mais pure blends para ser instalado no seu sistema.
Debian Pure Blends
Esta solução é de fácil aplicação, mas pode ter o inconveniente de deixar o seu sistema um pouco mais pesado, com softwares redundantes ou desnecessários.

O que vem dentro de uma típica distro Debian Edu

O Skolelinux é uma distro baseada no Debian, que tem por objetivo prover um ambiente pré-configurado e completo para tomar conta de uma rede de computador escolar.
Imediatamente após a sua instalação, um servidor básico, rodando todos os serviços necessários é posto de prontidão para receber conexões de outros usuários e máquinas, através de uma interface web, chamada GOsa².
Junto, um sistema de netbooting é automaticamente preparado. Isto é útil, por que todo o restante do parque de equipamentos, com conexão à rede, pode ser instalado a partir do servidor — portanto, é desnecessário ter várias mídias de instalação (CDs, DVDs, pendrives etc.), ou mesmo, conexão à Internet para cada equipamento.
O netbooting pode trazer de volta à vida todos os computadores antigos, que você tem ao seu redor. Se não tiverem disco ou qualquer espaço de armazenamento, podem usar todo o sistema remotamente, sem qualquer instalação — basta que seu BIOS/Interface de rede tenha suporte a boot remoto.
O servidor Debian Edu school server disponibiliza serviços — o que inclui um banco de dados LDAP, autenticação Kerberos, diretórios /home centralizados, um servidor DHCP, um proxy web, entre outros.

A distro provê um ambiente completo servidor –> clientes.
Sendo que, estes últimos, podem ser máquinas de recursos bem limitados, desprovidos até de discos rígidos — e podem se conectar ao sistema como thin clients e usar o armazenamento no servidor.
Dá para a escola montar uma solução elegante e funcional, até mesmo, com equipamentos velhos, doados pela comunidade.

No lado dos desktops, atualmente, a distro vem com mais de 60 pacotes de softwares educacionais — e você pode obter mais, do arquivo Debian.
O ambiente desktop pode ser KDE Plasma, GNOME, LXDE, MATE ou XFCE.

Onde obter Debian Edu ou Skolelinux

Há a possibilidade de baixar uma versão mínima, para instalação rápida (netinstall) e acrescentar o que precisa depois, na medida da demanda.
Esta é a proposta do network booting, uma imagem ISO, de aproximadamente 650 MB (tamanho de um CD) e que funciona como uma distro Live do linux — ou seja, não precisa ser instalada para ser usada.
Você pode gravá-la em um dispositivo USB e, a partir do boot, acessar todos os aplicativos de que precisa, no servidor.
Esta versão pode ser encontrada aqui:

Não se esqueça de conferir o SHA1SUM da imagem baixada:
b82eea8a47f471a2ead0434279e2d3e2e66eed53

Se um sistema for instalado via network boot, agora o firmware também é instalado automaticamente no hardware.

A outra opção é uma versão extendida, para DVD ou pendrive, de 5 GB. Nesta imagem são incluídos todos os pacotes de software da distribuição, o que poupa tempo e banda de Internet com downloads posteriores.

O SHA1SUM desta imagem é:
cffac38cca13a7e6be5888c21088fd6b57398f88

Referências

https://wiki.debian.org/DebianEdu/
https://www.debian.org/News/2016/20160702

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

2 comentários sobre “Skolelinux Jessie (ou Debian Edu). A solução educacional completa”

  1. Olá Elias,
    Seria possível adaptar esse sistema da para rodar em multiterminal? Trabalho com suporte a computadores com Linux Educacional em escolas públicas de meu município. Já leu algo a respeito?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *