Como verificar e consertar arquivos de imagem de disco qcow2

Arquivos de imagem qcow2 são muito usados pelo emulador de processadores QEMU.
Como qualquer sistema de arquivos, podem ser danificados ou corrompidos.
O utilititário qemu-img tem algumas opções convenientes, que podem ser usadas para obter informações genéricas ou detalhadas de arquivos de disco virtuais e, se for o caso verificar e tentar consertá-los.
qemu logo bird

Como obter informações sobre imagens qcow2

Para obter informações sobre uma imagem, execute o utilitário qemu-img acompanhado da opção ‘info’.
Vamos ilustrar com um exemplo:

qemu-img info XenialXerus.qcow2 
image: XenialXerus.qcow2
file format: qcow2
virtual size: 25G (26843545600 bytes)
disk size: 5.7G
cluster_size: 65536
Format specific information:
    compat: 1.1
    lazy refcounts: false
    refcount bits: 16
    corrupt: false

Como verificar e corrigir erros em arquivos de imagem de disco

Para este procedimento, use a opção ‘check’.
Se combinado com outras opções, o comando pode proporcionar outros resultados.
Para fazer uma checagem simples, use o comando assim:

qemu-img check XenialXerus.qcow2 

Se tudo estiver bem com a sua imagem, o resultado deve ser semelhante a este:

No errors were found on the image.
99056/409600 = 24.18% allocated, 15.47% fragmented, 7.49% compressed clusters
Image end offset: 6172966912

O comando ‘qemu-img check’ realiza uma verificação de consistência no arquivo de imagem.
A opção ‘-r’ torna a correção de erros automática e deve ser acompanhada de ‘leaks’ ou ‘all’:

  • -r leaks — para consertar apenas vazamentos de clusters ou cluster leaks.
  • -r all — manda o qemu-img tentar corrigir todos os erros que encontrar.

Veja um exemplo:

qemu-img check -r all XenialXerus.qcow2 
No errors were found on the image.
99056/409600 = 24.18% allocated, 15.47% fragmented, 7.49% compressed clusters
Image end offset: 6172966912

De acordo com a documentação oficial do QEMU, os formatos de arquivo de imagem suportados para realizar o teste de consistência são o qcow2, qed e vdi.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *