Use as versões mais novas de seus programas favoritos com os backports no Debian

Se você está rodando a versão estável do Debian, é por que prefere um ambiente seguro contra falhas, em detrimento de usar as versões mais avançadas dos seus softwares preferidos.
Tudo funciona bem, mas você sente que poderia se beneficiar de alguns recursos mais avançados, que só foram incluídos nas versões mais atualizadas de alguns aplicativos — mesmo que estes não sejam estáveis.
Uma das soluções é instalar a versão unstable ou testing do Debian, onde estão as versões mais novas dos seus aplicativos. — Mas, aí, você perde o argumento da estabilidade.
É para estes casos que existem os backports do Debian.
powered by Debian badge
Os backports são pacotes recompilados do canal de desenvolvimento testing e, em alguns casos, do canal unstable — para rodar sem as novas bibliotecas, onde for possível, dentro da distro stable.

A recomendação é ser conservador para escolher os softwares que você deseja manter atualizados “no limite”.

Neste texto, vou mostrar como configurar o recurso através da linha de comando — que é quase sempre o modo mais fácil e rápido, embora não seja muito bonito pra maioria das pessoas.
Para escrever este post, estou usando o Debian 8.2 “Jessie”, cuja fonte de backports é o Debian 9.0 “Stretch”. Procure adequar os procedimentos à versão da sua distro.
Se ainda restarem dúvidas, dê uma olhada nos links contidos neste texto e ao final, para obter mais informações.

Como configurar os backports

Segue o procedimento para incluir uma linha ao ‘sources.list’ (a começar pelo backup):

su -c 'cp /etc/apt/sources.list /etc/apt/sources.list.backup-2015-11-14'
su -c 'nano /etc/apt/sources.list'

Forneça a senha do root e adicione as seguintes linhas ao final do arquivo:

# Backports repository
deb http://http.debian.net/debian jessie-backports main contrib non-free

Agora, atualize os repositórios:

su -c 'apt update'

Como instalar um pacote de softwares do repositório backports

O repositório backports estará desabilitado — como procedimento padrão de segurança.
Para pesquisar dentro deste repositório ou instalar pacotes de softwares backported ou “backportados”, é necessário indicar explicitamente o seu desejo.
Veja um exemplo:

aptitude -t jessie-backports install nome-do-pacote

A opção ‘-t’ especifica que o jessie-backports é a versão alvo.
Com este comando, uma versão mais atualizada do nome-do-pacote será instalada, no lugar da versão padrão do Debian stablese houver uma disponível, claro.

Referências

Wiki Debian: https://wiki.debian.org/Backports.
Relação de pacotes do Jessie backports: https://packages.debian.org/jessie-backports/.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia.
Fã de séries, como “Rick and Morty” e “BoJack Horseman”.
Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *