Categorias
Análises Android

Amplie as possibilidades do seu smartphone Android usando um terminal.

Use um aplicativo emulador de terminal no seu smartphone Android para executar tarefas mais complexas no seu sistema.

O emulador de terminal é um aplicativo que permite digitar comandos em um dispositivo. Com ele, é possível ter um contato mais íntimo com o seu smartphone, ter acesso a áreas e recursos que usuários comuns não têm e usufruir de mais poder e flexibilidade para executar algumas tarefas.
Neste post, vou falar do aplicativo desenvolvido por Jack Palevich — links para downloads estão no final do texto.
captura de tela (screenshot) Terminal Emulator for Android
No entanto, você pode instalar e usar qualquer outro aplicativo emulador de terminal que te agradar mais a partir da loja Google Play Store — uma vez que este texto é suficientemente genérico.

O que é o Emulador de Terminal para Android e o que ele (não) faz?

Usuários GNU/Linux ou Unix (de nível intermediário para cima) têm uma maior intimidade com o conceito de uso de um terminal ou console — onde se pode executar todas as tarefas de manutenção do sistema.

Se você não sabe o que é um terminal ou para que ele serve, este artigo e os aplicativos de emulação de terminal não são para você. (Desculpe…)

.
O emulador de terminal vai permitir à shell do seu sistema Android para executar uma série de comandos de manutenção ou para obter informações mais detalhadas sobre o sistema ou sobre o hardware do seu dispositivo — como se você estivesse usando o Linux em um PC normal.

A função do emulador de terminal não é hackear ou rootear o seu smartphone.
Mesmo sendo chamados “emuladores”, estes aplicativos também não têm nada a ver com jogos.

Para usuários mais avançados, o terminal oferece uma visão melhor do sistema de arquivos do que a interface gráfica — o que permite encontrar mais rápido algum arquivo de seu interesse.
É possível, ainda, inquirir o sistema e obter informações sobre os diversos aspectos do hardware que compõe o aparelho, sem precisar baixar mais programas para fazer isto.
Enquanto um “usuário normal” precisa baixar aplicativos específicos para obter informações sobre a CPU do seu smartphone, os geeks leem o arquivo específico do diretório /proc.
A experiência no uso de um terminal é muito mais rica se você estiver usando um aparelho rooteado, com o BusyBox instalado. Ainda assim, dá para acessar e realizar operações no /sdcard. Além disto, é possível instalar e rodar aplicações de linha de comando Linux no sistema de arquivos /data, desde que acessíveis ao emulador de terminal.

Erros comuns ao usar o terminal

Dificilmente, o aplicativo emulador de terminal vai te retornar algum erro, durante o uso.
O shell do Android é que pode retornar algumas mensagens de erro.
A mensagem permission denied é uma das mais comuns e pode ter os seguintes significados:

  • Embora o significado literal seja “permissão negada”, ela pode estar associada à tentativa de usar um comando ou aplicativo inexistente (command not found) ou a um erro de sintaxe.
  • Se o comando ou aplicativo existir, o que pode estar acontecendo é que você realmente não tem permissão para executá-lo.
    Você vai ter que ter permissões administrativas para conseguir executar certos comandos — e isto se adquire rooteando (se tornando “root”) o aparelho.
    Em aparelhos rooteados, você pode se tornar superuser com o comando “su”.

Eventualmente, você pode querer fazer mais com o seu teclado, dentro do terminal. Experimente, se quiser, o aplicativo Hackers Keyboard. Ele dispõe de mais algumas funcionalidades para quem usa o terminal no smartphone.

Referências

Página de download do Terminal Emulator for Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=jackpal.androidterm&hl=pt_BR
Página de download do BusyBox para Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=stericson.busybox&hl=pt_BR.
Página de download do Hackers Keyboard: https://play.google.com/store/apps/details?id=org.pocketworkstation.pckeyboard

Por Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia.
Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman".
Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.