zRam no Ubuntu

Ative o zRam, no Linux para melhorar o desempenho do sistema

Se você tem 2 Gb ou menos de espaço na memória RAM, o zRam pode ajudar a melhorar o desempenho do seu sistema.
O zRam é fácil de instalar — trata-se de um módulo do kernel que, uma vez ativado, cria blocos de dispositivos baseados na RAM, que funcionam como swap. Dados armazenados neste local são comprimidos na própria memória do sistema.
O uso deste módulo, que era chamado antigamente de compcache, acaba promovendo economia considerável de memória mas, por outro lado, aumenta a carga sobre o processador (compressão/descompressão).
Isto posto, você só irá se beneficiar do uso do zRam em aplicações que consumam muita memória e pouco processamento. Se suas aplicações usam intensivamente o processador e poucos recursos de memória, você pode experimentar uma queda na performance do seu sistema.

O uso do recurso em sistemas com unidades SSD adiciona o benefício de reduzir o desgaste e preservar a vida útil do dispositivo.
Portanto, o zRam é recomendado em sistemas embutidos e que façam uso de dispositivos SSD.

Como instalar zRam no Ubuntu

O zRam está integrado ao kernel Linux, desde a versão 3.2 — portanto, já está incluído nas versões do Ubuntu 12.04 ou acima.
O recurso está integrado ao kernel do Android, desde a versão 4.4.
No Debian e no Ubuntu é muito fácil instalar o zRam, via apt-get. Abra um terminal (Ctrl + Alt +T), e forneça o seguinte comando:

sudo apt-get install zram-config

Isto é o suficiente.
Desconheço qualquer recomendação dos desenvolvedores no sentido de ter que reiniciar o computador, após a ativação do zRam — portanto, o reboot é opcional.

Como verificar se o zRam está ativo

Se quiser verificar se o zRam está ativo, use o comando dmesg em conjunto com o grep:

dmesg | grep -i zram

O resultado deve ser algo parecido com o que se vê abaixo:

[29548.561497] zram: module is from the staging directory, the quality is unknown, you have been warned.
[29548.575867] zram: Created 2 device(s) ...
[29548.771119] Adding 513056k swap on /dev/zram0.  Priority:5 extents:1 across:513056k SSFS
[29548.828616] Adding 513056k swap on /dev/zram1.  Priority:5 extents:1 across:513056k SSFS

Outra forma de verificar é com o seguinte comando:

cat /proc/swaps

Se o zRam aparecer no resultado, deste jeito, é por que está ativo:

Filename				Type		Size	Used	Priority
/dev/sda1                               partition	2076668	2724	-1
/dev/zram0                              partition	513056	240	5
/dev/zram1                              partition	513056	244	5

Como desinstalar o zRam

Para desativar e desinstalar o zRam, proceda assim, no terminal:

sudo dpkg --purge zramswap-enabler
sudo dpkg --purge zram-config

Pronto.
Conheça outras formas de melhorar o desempenho do Ubuntu.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), apaixonado por programação e astronomia. Fã de séries, como "Rick and Morty" e "BoJack Horseman". Me siga no Twitter e vamos trocar ideias!

5 comentários sobre “Ative o zRam, no Linux para melhorar o desempenho do sistema”

  1. No caso acima o vm.swappiness na verdade serve para alterar o uso de Swap.
    Existe esse para melhorar o ipv4
    Abra o arquivo /etc/sysctl.conf como root

    nano /etc/sysctl.conf
    net.core.rmem_default = 524288
    net.core.rmem_max = 524288
    net.core.wmem_default = 524288
    net.core.wmem_max = 524288
    net.ipv4.tcp_wmem = 4096 87380 524288
    net.ipv4.tcp_rmem = 4096 87380 524288
    net.ipv4.tcp_mem = 524288 524288 524288
    net.ipv4.tcp_rfc1337 = 1
    net.ipv4.ip_no_pmtu_disc = 0
    net.ipv4.tcp_sack = 1
    net.ipv4.tcp_fack = 1
    net.ipv4.tcp_window_scaling = 1
    net.ipv4.tcp_timestamps = 1
    net.ipv4.tcp_ecn = 0
    net.ipv4.route.flush = 1
    
  2. Queria saber se tem como instalar o zRam no Fedora 23, se tiver como posso efetuar a instalação? Grato.

  3. excelente sua dica.

    Conhece mais dicas de desempenho e otimização para o ubuntu e Fedora 21, instalei prelink e preload em ambos os sistemas e fiz a configuração do vm.swapiness=10 no arquivo sysctl.conf, só que não vi muita melhora, navegadores como google chrome demora um pouco para abrir. poderia passar algumas dicas de configuração do prelink.conf e preload.conf, já pesquisei bastante no google só que não achei muita informação quanto a configuração dos arquivos.

    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *