Dicas compra impressora

Linux: dicas para comprar impressora

Este artigo é voltado para usuários Linux, qualquer que seja a distribuição (Ubuntu, Debian, Fedora, SuSE etc). No decorrer do artigo, ficará claro que usuários de outros sistemas operacionais poderão também se beneficiar se derem atenção a alguns dos tópicos discutidos aqui.
  feat dicas para comprar impressoras LinuxNos dias atuais, muitas impressoras HP, funcionam no Linux a partir do momento em que você a conecta à saída/entrada USB do seu PC — Sim. É simples assim.
É comum o usuário ligar e conectar sua impressora e já começar a usá-la, bem como todos os outros da rede — sem precisar instalar qualquer driver ou software adicional, a impressora se torna visível imediatamente a todos os outros PCs conectados.
Mas, para isto acontecer, é necessário fazer a escolha acertada antes da compra.
A principal dica é verificar se o equipamento é amigável e compatível com a sua versão Linux, sempre antes de comprar. As impressoras HP, são conhecidas por ter drivers adequados e suporte da empresa à comunidade de desenvolvedores de drivers — embora esta não seja uma regra.

Como verificar se uma impressora é compatível com Linux?

Você pode verificar, no site do hplip, se a impressora HP é suportada ou não em sua distribuição.
Se preferir outra fonte ou se sua impressora for de outra marca, a página do OpenPrinting pode ajudar a determinar se a impressora que você deseja adquirir vai servir ou não.
O site OpenPrinting permite listar impressoras por fabricante e as classifica em 3 categorias: totalmente suportadas, parcialmente suportadas e paperwight — “peso para papel” (fuja destas últimas).
As impressoras classificadas como paperweight, não raro, são ruins até em outros sistemas operacionais — a principal razão de não terem suporte a Linux é o fato de o fabricante não fornecer suas especificações, o que dificulta o trabalho de todos os desenvolvedores.
A compra de uma impressora parcialmente amigável também não vale a pena, por diversos motivos:

  • Seus recursos não serão 100% aproveitados — algumas não farão calibragem, limpeza de cartuchos, impressão em qualidade fotográfica etc. Nas multifuncionais, o scanner pode não funcionar ou atingir a resolução máxima — e neste caso, é melhor comprar um equipamento mais barato, que funcione plenamente.
  • O barato que sai caro — muitas destas impressoras não têm opções de imprimir em modo econômico. Este é um ponto crucial que pode jogar o dinheiro economizado na lata de lixo em questão de poucos meses ou semanas.
  • A falta de softwares de apoio tornam o uso mais difícil além de diminuir sensivelmente a qualidade de seu trabalho — poder ter acesso ao nível de tinta em cada cartucho permite planejar a compra de novos refis. A possibilidade de limpar cartucho e calibrar a impressora é fundamental para se ter um resultado de impressão de qualidade.

Por outro lado, uma impressora 100% compatível, costuma funcionar assim que você a liga — sem a necessidade de instalar qualquer software adicional, o que as torna mais fáceis de instalar e usar no Linux do que em qualquer outro sistema operacional.
Todos os recursos anunciados na embalagem estarão disponíveis para uso — de forma que você estará levando pra casa ou pro escritório tudo aquilo pelo que pagou.

Impressoras 100% amigas do Linux são melhores para usuários de outros sistemas operacionais. Normalmente, têm especificações abertas e melhor suporte do fabricante — o que te dá uma garantia melhor de ter drivers, softwares e soluções disponíveis por mais tempo e em maior quantidade.

Publicado por

Elias Praciano

Autor de tecnologia (livre, de preferência), desenvolvedor web e geek, nos mais diversos assuntos. Entusiasta de software livre e hacker de LEGO, acredito em repassar meu conhecimento e ajudar as pessoas sempre que for possível.

3 comentários sobre “Linux: dicas para comprar impressora”

  1. Muito Obrigado. Como sempre me ajudando muito. Eita, pera, tem uns ads aqui do lado vou lá clicar em todos! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *